mobilidade

Lisboa vai ter lugares só para carsharing. Saiba onde poderá estacionar

DriveNow é uma das duas empresas com partilha de carros sem estacionamento fixo dentro de Lisboa.
DriveNow é uma das duas empresas com partilha de carros sem estacionamento fixo dentro de Lisboa.

21 lugares de estacionamento para os veículos partilhados estarão disponíveis nos próximos dias.

Lisboa vai ter 21 lugares de estacionamento exclusivos para os utilizadores de serviços de carros partilhados (carsharing) sem estações fixas. A câmara municipal de Lisboa chegou a acordo com as empresas DriveNow e Emov para que os utilizadores destes serviços não gastem vários minutos à procura de um local para deixar os veículos partilhados. Estes lugares estarão disponíveis nos próximos dias, adiantou Miguel Gaspar, vereador da Mobilidade e Segurança do município, esta quinta-feira. Os lugares serão partilhados entre as duas operadoras.

Estivemos a aguardar a estabilização da regulamentação sobre os transportes partilhados [em sede de Parlamento]. Isso permitiu-nos criar um sinal novo na cidade de Lisboa: os lugares reservados para a operação de carsharing. Identificaram-se vários lugares partilhados entre operadores de carsharing. Vamos criar 21 lugares na via pública”, adiantou Miguel Gaspar em declarações ao Dinheiro Vivo à margem da conferência Wise Mobility, no Museu do Dinheiro, em Lisboa.

Estes lugares estão concentrados em quatro zonas, conforme pode verificar no mapa abaixo: Entrecampos/Sete Rios; Penha de França; Príncipe Real/Baixa e Campolide.

2

Boa parte destes lugares, no entanto, serão partilhados com as operações de logística: “durante o dia, estes lugares servirão para os carros partilhados; durante a noite, até às 8h30 da manhã, servirão para cargas e descargas de empresas de algumas zonas. Desta forma, em vez de utilizarmos dois lugares na via pública para as operações de logística, bastará um”, detalhou o vereador. Estes lugares estarão acompanhados de sinais de trânsito próprios criados para o efeito.

1

A capital portuguesa segue, desta forma, os exemplos de cidades como Munique e Nova Iorque, que têm vários locais disponíveis exclusivos para os carros partilhados.

Esta autorização da câmara de Lisboa complementa a possibilidade de os carros partilhados poderem utilizar gratuitamente os lugares da EMEL, independentemente da zona.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Página inicial

O ministro das Finanças, Mário Centeno, fala durante conferência de imprensa sobre a proposta do Orçamento do Estado para 2019 (OE2019), realizada no Salão Nobre do Ministério das Finanças, em Lisboa, 16 de outubro de 2018. Na proposta de OE2019, o Governo estima um crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de 2,2% no próximo ano, uma taxa de desemprego de 6,3% e uma redução da dívida pública para 118,5% do PIB. No documento, o executivo mantém a estimativa de défice orçamental de 0,2% do PIB no próximo ano e de 0,7% do PIB este ano. RODRIGO ANTUNES/LUSA

IRS: Escalões vão absorver parte do aumento salarial de 2019

António Costa, que cumprimenta João Oliveira, com Jerónimo de Sousa e Catarina Martins© Lusa

Quanto valem as medidas negociadas à esquerda?

Outros conteúdos GMG
Lisboa vai ter lugares só para carsharing. Saiba onde poderá estacionar