Telecom

Lucro da NOS cresce 17% para 123 milhões até setembro

Miguel Almeida, Presidente da Comissão Executiva NOS durante uma entrevista no edifício sede. Foi administrador de várias companhias do universo Sonae.
(Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)
Miguel Almeida, Presidente da Comissão Executiva NOS durante uma entrevista no edifício sede. Foi administrador de várias companhias do universo Sonae. (Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

O resultado líquido da NOS subiu 17% nos primeiros nove meses do ano face a igual período de 2017, para 123 milhões de euros, anunciou e a operadora de telecomunicações.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a NOS adianta que as receitas de exploração progrediram 0,7% para 1.167 milhões de euros, sendo que as de telecomunicações aumentaram 1,2% para 1.116 milhões de euros.

O resultado antes de impostos, juros, depreciações e amortizações (EBITDA) cresceu 2,9% entre janeiro e setembro, face ao período homólogo do ano passado, para 461,7 milhões de euros.

“O resultado líquido consolidado da NOS, no terceiro trimestre deste ano, atingiu 44,1 milhões de euros, representando uma evolução de 34,1% face ao mesmo período do ano passado”, refere a empresa, adiantando que entre julho e setembro as receitas “apresentaram uma progressão de 1,7%, face ao terceiro trimestre do ano passado, quando ajustadas para efeitos regulatórios, nomeadamente a descida das taxas da terminação móvel”.

Já as receitas do negócio de comunicações aumentaram 0,9% para 376,2 milhões de euros (crescimento ajustado de 1,8%), no trimestre em análise.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Reportagem na fábrica de bicicletas Órbita.
Maria João Gala / Global Imagens )

Sócios da Órbita procuram novo acionista

9_beer cerveja copo

Quebra do mercado chinês penaliza cerveja nacional

João Vieira Lopes, presidente da Confederação do Comércio e Serviços.
(Jorge Amaral/Global Imagens)

Vieira Lopes: “Metas do governo são realistas mas é preciso investimento”

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Lucro da NOS cresce 17% para 123 milhões até setembro