Lucros da Inapa recuam 33% no primeiro semestre

A Inapa fechou semestre com lucro de 1 milhão de euros

A Inapa anunciou hoje que fechou o primeiro semestre com um lucro de 1 milhão de euros, o montante representa uma quebra de 33% face aos 1,5 milhões arrecadados em igual período do ano passado.

A penalizar as contas da empresa esteve a diminuição de 4,8% das vendas, que até junho ascenderam a 444,1 milhões de euros quando no período homólogo tinham sido de 466,3 milhões. A Inapa justifica a redução com a “tendência regressiva na procura de papel gráfico e de impressão em termos globais”. “O desempenho dos Negócios Complementares permitiram compensar parcialmente o decréscimo verificado na área de papel”, salienta.

Entre outros factores penalizadores estão a descida da margem bruta, de 5,1% para os 81,4 milhões de euros, juntamente com o EBIT (resultados operacionais), que recuou 14,6% para os 9 milhões de euros.

Ainda assim, a empresa de distribuição de papel conseguiu reduzir os custos de exploração em 2,4%, para os 1,7 milhões, “refletindo o ajustamento do modelo organizacional e uma forte gestão de custos”. Paralelamente, a Inapa conseguiu reduzir o seu passivo financeiro, com a dívida líquida a recuar 4,9% para os 16,1 milhões de euros, e viu os encargos financeiros descerem 10,8% face ao período homólogo “reforçando o equilíbrio da estrutura financeira do Grupo”.

Recorde-se que a Inapa tem, desde o final de julho, um novo presidente. Diogo Rezende, ex-presidente da Ford Lusitana, substituiu José Morgado Felix que abandonou a empresa de distribuição de papel no final de junho para liderar o Montepio.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Página inicial

LUÍS FORRA/LUSA

Dia 7. Termina greve dos motoristas

Francisco São Bento, presidente do SNMMP. Foto: Sara Matos/Global Imagens

Cinco momentos chave numa greve de sete dias

Outros conteúdos GMG
Lucros da Inapa recuam 33% no primeiro semestre