Mais de 180 mil viram chegar o Inverno a Portugal... no SyFy

Estreia da 8 temporada deA Guerra dos Tronos teve duas transmissões no canal SyFy, uma delas em simultâneo com a emissão nos Estados Unidos

Um total de 180 mil telespectadores viram a estreia da oitava e última temporada de A Guerra dos Tronos no SyFy, de acordo com os dados de audiências tratados pela Universal McCann/IPG Mediabrands.

A série, baseada na obra de George R. R. Martin, teve dois momentos de transmissão no canal de televisão, um em simultâneo com os Estados Unidos, na madrugada do dia 15 de abril (02:00-02:55) e outro no prime time (22:15-23:10).

Na madrugada, a série obteve audiência total de 120 mil telespectadores, ou seja, uma audiência média de 93 mil telespetadores e um share de 15%. "Na última meia hora da série, cerca de 20% dos indivíduos de 15 ou mais anos que estavam a ver televisão estavam sintonizados no Syfy a ver a série Guerra dos Tronos", destaca a UM/IPG Mediabrands.

No prime-time (22:15-23:10), a série foi vista por um total de 239 mil telespectadores, ou seja, por uma audiência média de 140 mil telespectadores e um share de 3.9%.

Veja mais aqui

"Analisando as duas emissões, a série foi vista por um total de 180 mil telespectadores e com um share médio de 5.5%", refere a agência de meios. A estreia foi vista por um público mais masculino e com idades entre os 25/54 anos.

A estreia da última temporada gerou maior interesse do que o episódio de estreia da temporada sete. Já no acumulado das duas emissões, "apesar de registar uma audiência inferior face à temporada anterior, apresentou um share de audiência muito superior à estreia da temporada 7 (5.5% vs.1.0%).

A transmissão de estreia posicionou o canal SyFy entre o 8 canal mais visto de televisão paga na segunda-feira. No domingo, o canal foi o segundo mais visto dos canais de pay TV, "fruto da transmissão dos episódios da temporada 6, 7 e da meia hora da estreia da temporada 8."

A estreia da série também foi transmitida em Portugal pelo serviço de video streaming HBO Portugal, mas as audiências das plataformas de streaming não são medidas em Portugal por nenhuma fonte oficial externa a que as agências tenham acesso.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de