altice

Marques Mendes: Anúncio da Altice é “revolução na comunicação”

Marques Mendes
Marques Mendes

Comentador admite que compra da Media Capital pela francesa Altice acarreta riscos de posição dominante, que deverão ser acautelados pelos reguladores

Luís Marques Mendes considera que a compra da Media Capital pela Altice “é uma revolução no domínio da comunicação social, uma mudança total de paradigma”, afirmou no seu comentário habitual na SIC.

Lembrando que “estamos na SIC e a SIC também é interessada nesta negociação”, o comentador sublinhou que os próximos passos deste negócio envolvem saber “o que vai fazer a Impresa, o que vai fazer a NOS”.

“É uma incerteza” disse, completando que este novo ‘momento’ que o setor dos Media atravessa “está apenas a começar”. Lembrou ainda que “passou despercebido o encontro do Presidente da República com Altice e com Francisco Pinto Balsemão no mesmo dia, que é um sinal de político de equilíbrio” e contra monopólios.

O negócio que foi fechado por 440 milhões de euros, no entanto, não é ainda certo. Marques Mendes lembra que “acarreta riscos de posição dominante em três ou quatro áreas”, destacando a rádio, televisão, produção de conteúdos e publicidade. “As entidades reguladoras vão ter de se pronunciar. Será que é aprovado sem mais? Chumbado sem mais? Não é provável, mas é provável que avance com restrições ou garantias para evitar a posição dominante”.

Ainda sobre a empresa francesa que é dona da Meo, Marques Mendes disse que “António Costa esteve muito mal” no debate do Estado da Nação. “Um país como Portugal não deve imiscuir-se”, disse, classificando as declarações do primeiro-ministro sobre as comunicações em Pedrógão como “terceiro mundistas”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Trabalhadores da Autoeuropa pararam produção a 30 de agosto pela primeira vez na história da fábrica. Fotografia: JFS / Global Imagens

Autoeuropa. Guerra dos horários termina com pré-acordo

Armando Pereira, Cláudia Goya e Michel Combes

Altice “nega que Cláudia Goya esteja de saída”

Fotografia: Alvaro Isidoro/Global Imagens

Novo Banco com prejuízo de 419 milhões de euros até setembro

Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
Conteúdo TUI
Marques Mendes: Anúncio da Altice é “revolução na comunicação”