Retalho Alimentar

Mercadona abre lojas em Portugal já sem sacos plástico de uso único

Mercadona

Anualmente, a cadeia recicla mais de 3 mil toneladas de plástico as embalagens recuperadas das suas mais de 1600 lojas

A Mercadona acabou nas suas mais de 1600 lojas com os sacos de plástico de um só uso. Em Portugal, as primeiras lojas da cadeia de supermercados previstas abrir a partir de 1 de julho já não terão este tipo de saco de plástico, confirmou fonte oficial ao Dinheiro Vivo.

Com o fim dos sacos de plástico de uso único, a cadeia passa a oferecer aos clientes três opções, sacos de papel, de ráfia ou com 50-70% de plástico reciclado proveniente de embalagens de plástico utilizadas nas lojas. Todas estas opções são reutilizáveis e recicláveis, frisa a companhia.

Anualmente, a Mercadona recicla “mais de 3.000 toneladas de plástico das embalagens recuperadas das suas lojas, que envia para os seus blocos logísticos através de um processo de logística inversa.”

Leia ainda: Mercadona já está a recrutar para a região de Lisboa

A empresa instalou ainda uma nova peça de mobiliário para os sacos plásticos utilizados pelos clientes nas secções de frescos, “equipadas com um novo sistema que dispensa os sacos de forma a reduzir o desperdício de plástico”, informa a Mercadona. “Espera-se que estes sacos sejam substituídos por outros de material compostável antes de 2021”, diz ainda.

Em Portugal, recorde-se, o Parlamento aprovou na semana passada o projeto de lei de Os Verdes para proibir sacos de plástico ultraleves e cuvetes de esferovite no comércio de pão, fruta e legumes, em junho de 2020.

Uma série de cadeias de retalho alimentar e não só têm vindo a retirar os sacos de plástico (não recicláveis) das suas opções junto dos clientes. A partir de maio, o Lidl, por exemplo, vai deixar de vender sacos nas mais de 250 lojas pelo país.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Foto: DR

Parpública avança com venda dos terrenos da antiga Lisnave

Filas de táxis nas chegadas do Aeroporto Humberto Delgado em Lisboa. (Filipa Bernardo / Global Imagens)

Táxis: Câmara de Lisboa quer tarifa única para aeroporto

(Photo by Anthony Behar)

Economia americana cresce 3,2% e supera estimativas dos analistas

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Mercadona abre lojas em Portugal já sem sacos plástico de uso único