Mercadona e CAP anunciam projeto conjunto

Acordo visa o crescimento sustentável entre o setor primário e o retalho

A cadeia espanhola de supermercados Mercadona e a Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP) assinaram um protocolo de colaboração para um projeto comum de crescimento sustentável entre o setor primário e o retalho.

O acordo engloba também a realização de jornadas, seminários, encontros e outros eventos para debate e exposição de temas e questões relacionadas com a cadeia agroalimentar nacional.

"Acreditamos que o modo como a Mercadona se relaciona com os seus fornecedores do setor agro é correto e transparente, indutor de confiança, e é o modo que permite, efetivamente, contribuir para o desenvolvimento virtuoso da produção nacional", afirmou o secretário-geral da CAP, Luís Mira, citado no comunicado.

Já o diretor de relação com o setor primário da Mercadona Portugal, Pedro Barraco, lembrou o objetivo de continuar a trabalhar com fornecedores portugueses e no plano de expansão em Portugal e enalteceu que, com a CAP como parceira, a Mercadona quer dar a conhecer "o que de melhor se produz" em território nacional.

Em 2020, a Mercadona comprou produtos no valor de 208 milhões de euros a 300 fornecedores comerciais nacionais, o que representa um aumento de mais de 65% face a 2019. A cadeia de retalho alimentar espanhola está em Portugal desde 2016.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de