Metro de Lisboa: Propostas para fase 2 da linha circular entre 73 e 99 milhões

Proposta da Zagope, quase 10 milhões de euros acima do preço-base, será excluída do concurso.

O Metro de Lisboa está a avaliar quatro propostas para a fase 2 da construção da linha circular. As propostas variam entre os 73,5 e os 99,8 milhões de euros, segundo informação divulgada esta terça-feira pela empresa liderada por Vítor Domingues dos Santos.

A proposta mais cara é da Zagope e está avaliada em 99,8 milhões de euros. Deverá ser excluída do concurso porque o preço está quase 10 milhões de euros acima do preço-base estabelecido para esta empreitada, de projeto e construção dos toscos respeitante à construção entre a Estação Santos e o término da Estação Cais do Sodré. A Zagope venceu o concurso para a fase um do plano de expansão do Metro de Lisboa.

O consórcio Mota-Engil/Spie Batignolles apresentou a proposta mais baixo, de 73,5 milhões de euros; seguem-se os consórcios Somague/DST/Sacyr Neopul, com 75,4 milhões de euros e Ramalho Rosa/FCC Construcción, com 77,31 milhões de euros.

A criação da linha circular do Metro de Lisboa é realizada através do prolongamento das linhas Amarela e Verde, entre Rato e Cais do Sodré. A linha verde passará a formar um anel, graças à construção das estações de Santos e da Estrela. A linha amarela passará a funcionar apenas entre Telheiras e Campo Grande, obrigando os utentes a trocarem de de comboio para chegarem ao centro da cidade.

Dia 6 de maio, arrancou a empreitada de construção do primeiro lote da linha circular, com a execução dos toscos entre o término da estação do Rato e a estação de Santos.

Para a fase 3 do concurso, as propostas serão entregues até 21 de agosto. Nesta fase, está prevista a construção de dois novos viadutos sobre a Rua Cipriano Dourado e sobre a Av. Padre Cruz, na zona do Campo Grande, prevendo a ampliação da estação do Campo Grande para Nascente.

A construção da nova linha circular do Metro de Lisboa custa um total de 210,2 milhões de euros, dos quais 83 milhões de euros são provenientes de fundos comunitários.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de