Investimento

MindProber conta com um investimento de 450 mil euros

Pedro Almeida da MindProber. Fotografia: 
 Adelino Meireles / Global Imagens
Pedro Almeida da MindProber. Fotografia: Adelino Meireles / Global Imagens

A startup portuguesa MindProber fechou recentemente a sua ronda de financiamento seed, com um investimento de 450 mil euros.

A MindProber, uma startup portuguesa, fechou recentemente a sua ronda de financiamento seed, com um investimento de 450 mil euros. O investimento foi liderado pela Wisenext, Smart Capital SA, e contou ainda com a participação da Ideias Glaciares Lda e da Ganexa Seed Capital SGPS Lda.

O investimento garantiu a contratação de uma equipa multidisciplinar que, de acordo com o CEO da MindProber, Pedro Almeida, “está concentrada na otimização do produto, desde os sensores psicofisiológicos, até às componentes de software, bem como na rápida implementação nacional, com vista a chegar, já no próximo ano, a mercados internacionais”.

E, acrescenta, que chegar aqui é “resultado de um trabalho intenso após o financiamento pre-seed, demonstrando capacidade técnica e científica e alinhando clientes-piloto e parceiros, entre os quais se contam grandes marcas de consumo e broadcasters”.

Para o presidente da Wisenext, João Paixão, esta startup destaca-se pelo o caráter inovador da solução, que aborda um mercado com elevado potencial de crescimento: “A solução tecnológica desenvolvida pela MindProber representa uma disrupção nos serviços de media testing, pela forma como integra sistemas complexos de análise fisiológica e comportamental e como permite automatizar e escalar o que até aqui tem sido um serviço tradicional, pesado e caro”.

O fecho desta ronda de investimento acontece depois, da startup ter vencido a competição de inovação em estudos de mercado mais relevante a nível internacional – a Insigth Innovation Competition – que decorreu em Atlanta, nos EUA, e garantiu à MindProber um prémio de 20 mil dólares, para além de reforçar o seu caráter único e disruptivo na área de media testing.

Um prémio que, “vem atestar a capacidade científica e técnica da MindProber como fator relevante para o sucesso. Veio validar os nossos conceitos e a nossa capacidade técnica para os colocar em prática, demonstrando que o mercado está aberto a uma solução inovadora como a que propomos”, refere Pedro Almeida.

A MindProber é uma empresa dedicada à automação de media testing utilizando medidas fisiológicas. Produto de vários anos de investigação académica e um ano de aceleração enquanto startup, a plataforma da MindProber permite recolher e analisar, em tempo real, as reações fisiológicas e comportamentais de centenas de espectadores a conteúdos media como anúncios ou programas de entretenimento, estudando o seu impacto global e segundo-a-segundo.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Página inicial

Pedro Queiroz Pereira

Pedro Queiroz Pereira deixa império de mil milhões

Pedro Queiroz Pereira, presidente do conselho de administração da Semapa

Semapa: “Mais do que um património, PQP deixa força e deixa valores”

Outros conteúdos GMG
MindProber conta com um investimento de 450 mil euros