Mota-Engil garante obras de 125 milhões no Peru

O grupo português soma agora uma carteira de encomendas de 150 milhões no Peru.

A Mota-Engil acaba de anunciar a adjudicação de três obras no Peru, no valor global de 125 milhões de euros. O grupo português garantiu estas adjudicações junto de "uma importante empresa mineira privada" a operar neste país da América do Sul, diz o comunicado.

As obras adjudicadas referem-se à "Construcción del Dique Corredor y Manejo de Aguas" e ao "Estudo e Construcción de Hospital" e vão arrancar de imediato. O prazo de conclusão é de 33 meses.

Com estas adjudicações, a que se juntam outras obras de menor dimensão, a Mota-Engil tem agora uma carteira de encomendas de cerca de 150 milhões de euros.

Segundo a Mota-Engil, esta carteira está sustentada "na parceria de longo prazo mantida com as principais empresas mineiras com atividade no Peru, o que potencia a recuperação do volume de negócios do grupo numa região especialmente afetada pela atual crise pandémica".

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de