Novo Banco arranca com venda de 1,75 mil milhões de crédito malparado

O banco vai realizar a venda da maior carteira de crédito malparado em Portugal, segundo o site especializado Debtwire.

O Novo Banco quer reduzir o malparado. E vai avançar para a venda de uma carteira de crédito em incumprimento avaliada em 1,75 mil milhões de euros, segundo a publicação especializada Debtwire. O portfolio que será vendido em duas tranches: uma no valor de 550 milhões de euros de créditos em incumprimento a 54 empresas e outra avaliada em 1,2 mil milhões que abarca 62 mil empresas e clientes de retalho.

O banco liderado por António Ramalho começou a sondar o interesse de potenciais investidores e as ofertas não-vinculativas deverão começar a ser recebidas em outubro, de acordo com a Debtwire. A aconselhar o banco nesta transação estão a Alantra, a KPMG e a Morgan Stanley.

É a maior carteira de sempre de malparado a ser colocada à venda em Portugal, segundo a Debtwire. A venda de crédito em incumprimento a investidores que compram esses ativos a desconto e tentam recuperar o dinheiro tem sido uma das estratégias seguidas pelos bancos portugueses para reduzir o malparado nos balanços. Essa estratégia já tinha sido também sinalizada pela administração do Novo Banco.

O rácio de crédito malparado do Novo Banco era de 28,7% em junho deste ano. Apesar do valor elevado estava abaixo dos 32,1% verificados em junho do ano passado. Questionado, o Novo Banco não quis comentar a operação.

Atualizada às 16:14 com mais informação

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de