Novo Banco: Venda da Ascendi com impacto positivo nos rácios de capital

Rácio de capital do Novo Banco caiu de 13,5% para 12% entre dezembro de 2015 e junho de 2016. Venda da Ascendi traz impacto positivo

O Novo Banco, dono de 40% da Ascendi, também confirmou esta noite o acordo de venda de um conjunto de ativos da sua participada aos franceses da Ardian por um valor de 600 milhões de euros, realçando que a operação "terá um impacto positivo no rácio de capital" da instituição.

"A conclusão da transação nos termos ora acordados terá um impacto positivo no rácio de capital Common Equity Tier I do Novo Banco. Esta transação representa mais um importante passo no processo de desinvestimento de ativos não estratégicos do Novo Banco, prosseguindo este a sua estratégia de foco no negócio bancário", aponta o comunicado agora divulgado pelo banco de transição que resultou do colapso do Banco Espírito Santo.

De acordo com os resultados semestrais do Novo Banco recentemente apresentados, o rácio de capital CETI da instituição caiu de 13,5% para 12% entre dezembro de 2015 e junho de 2016.

De acordo com um comunicado antes emitido pela Mota-Engil, dona de 60% da Ascendi, os acionistas da empresa chegaram a acordo com a francesa Ardian para a venda de grande parte dos ativos desta participada por um valor total de 600 milhões de euros.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de