Belmiro de Azevedo

“O Homem Sonae”: os dez mandamentos de Belmiro de Azevedo

O chairman da Sonae, Belmiro de Azevedo. Fotografia: D.R.
O chairman da Sonae, Belmiro de Azevedo. Fotografia: D.R.

Em 1985, o empresário teve a ideia de propagar uma cartilha em que definiu o que devia ser o chamado "Homem Sonae". O colaborador ideal, no fundo.

A primeira reunião de altos quadros do grupo Sonae acontece a 28 de maio de 1985.

O encontro fica marcado pela apresentação dos dez mandamentos do grupo, a famosa cartilha do “Homem Sonae”, que no fundo são as leis a seguir para se ser o empregado exemplar, o colaborador ideal, supostamente feito à imagem do presidente, Belmiro de Azevedo.

Apesar de ser um rol de mandamentos a pensar na empresa e na sua gestão, o texto assume contornos quase religiosos. “Devoção às tarefas”, “ser justo”, “aceitar perder sem ressentimento”, “aceitar críticas”, “ser conhecido pela verticalidade do seu caráter”, “ter disponibilidade temporal e resistência física”, “ser rigoroso em termos de valores”.

Segundo o livro do jornalista Filipe S. Fernandes, intitulado precisamente “O Homem Sonae” (publicado originalmente em 2008), Belmiro terá sido o primeiro empresário português a apresentar tal lista com regras de ouro para o trabalho e os negócios. Dez ditames para quem quisesse pertencer de corpo e alma ao grupo, ser respeitado e conduzir a Sonae ao sucesso.

A monografia, feita a partir de “textos escritos e entrevistas concedidas por Belmiro de Azevedo ao longo dos anos”, começa com o próprio Azevedo a falar: “Assumi como estilo de vida pessoal e atitude empresarial do grupo que dirijo: be prepared, ou seja, prepare-se para decidir com pouca informação, com pouco tempo. Por mera coincidência, o acrónimo Sonae tem, em japonês, exatamente tal significado”, contou o engenheiro.

Em baixo, os dez mandamentos do “Homem Sonae” que o histórico empresário levou à primeira reunião com sete dezenas de altos quadros, em 1985. Mandamentos para serem cultivados no seio do grupo.

“O Homem Sonae”

“1. O Homem Sonae ou é líder ou candidato a líder;

2. O Homem Sonae é culto, evoluindo do seu estágio de competência técnica para o estágio de Homem culto em geral;

3. O Homem Sonae deve ter disponibilidade temporal e resistência física para vencer períodos mais intensos de carga de responsabilidades;

4. O Homem Sonae deve ter disponibilidade mental para aceitar críticas vindas de superiores ou subordinados, deve reagir ou replicar, mas deve evitar a retaliação sistemática;

5. O Homem Sonae deve ter apreço pelo trabalho dos seus subordinados, cuidando permanentemente para que as condições de trabalho e o grau de conhecimento de todos os trabalhadores sejam continuamente melhorados;

6. O Homem Sonae deve ser reconhecido interna e externamente pela verticalidade do seu caráter;

7. O Homem Sonae deve ter elevados critérios de exigência pessoal, com forte devoção às suas tarefas, embora procurando sempre um justo equilíbrio com outras atividades;

8. O Homem Sonae deve ter um código ético e deontológico rigoroso em termos de valores;

9. O Homem Sonae tem de aceitar o desafio da concorrência interna e externa;

10. O Homem Sonae procura a excelência e fá-lo pelo somatório das boas decisões que vai tomando e excluindo liminarmente os erros parciais.”

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
A presidente do Conselho de Administração da Autoridade da Concorrência (AdC), Margarida Matos Rosa. Fotografia:  TIAGO PETINGA/LUSA

Compra TVI. AdC ia chumbar operação que ia custar 100 milhões aos concorrentes

German Chancellor Angela Merkel and French President Emmanuel Macron attend a press conference after their meeting at the German government guesthouse Meseberg Palace in Meseberg, Germany, June 19, 2018. REUTERS/Hannibal Hanschke - RC1BEFE4FD20

Zona Euro com orçamento comum em 2021

Funcionários públicos e pensionistas descontam 3,5% para a ADSE

ADSE ganhou 4 mil novos beneficiários titulares

Outros conteúdos GMG
“O Homem Sonae”: os dez mandamentos de Belmiro de Azevedo