OE2020: BdP e CGD deverão entregar 705 milhões em dividendos

O documento foi entregue na segunda-feira ao final da noite na Assembleia da República pelo ministro das Finanças, Mário Centeno.

O Governo espera encaixar 705 milhões de euros em dividendos do Banco de Portugal e da Caixa Geral de Depósitos no próximo ano.

A proposta de Orçamento do Estado para 2020 prevê que "a principal componente dos rendimentos da propriedade são os dividendos de sociedades financeiras, prevendo-se a entrega de 468 milhões de euros pelo Banco de Portugal e 237 milhões de euros pela Caixa Geral de Depósitos ".

O documento foi entregue na segunda-feira ao final da noite ao presidente da Assembleia da República (AR), Eduardo Ferro Rodrigues, pelo ministro das Finanças, Mário Centeno.

Em 2019, a CGD entregou ao Estado 200 milhões de euros em dividendos relativos ao exercício de 2018. Já o Banco de Portugal entregou ao Estado um valor recorde de 645 milhões de euros em dividendos, mais 120 milhões de euros do que no ano anterior.

Atualizada às 01H02 com mais informação

(Pode ler aqui tudo o que precisa de saber sobre o Orçamento do Estado 2020)

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de