Telecomunicações

Oficial. Já há decisão sobre os jogos do Benfica

Tudo como dantes. Jogos do Benfica em casa continuam na Benfica TV. Decisão obriga Meo, que ainda não tem garantido o canal na oferta, a negociar.

A NOS já decidiu sobre o canal que vai transmitir os jogos em casa do Benfica.

“Os jogos do Sport Lisboa e Benfica realizados em casa a partir da época 2016-2017 manter-se-ão no Benfica TV, canal que manterá o seu caráter premium”, informa a operadora em comunicado. Ou seja, praticamente seis meses depois de ter fechado um acordo com o clube da Luz para os direitos televisivos dos jogos durante 10 épocas desportivas e para a distribuição do Benfica TV por 400 milhões de euros, a NOS revela que nada vai mudar no que toca à transmissão dos jogos em casa.

Os jogos fora de casa mantêm-se como até aqui na SportTV, empresa detida a 50% pela NOS e pelo empresário Joaquim Oliveira.

Pressão sobre o Meo aumenta

A decisão aumenta a pressão sobre a PT/Meo para aceitar os termos do acordo fechado recentemente entre a NOS e a Vodafone: é que o Meo ainda não tem assegurado o Benfica TV na sua oferta para a próxima época.

Há cerca de duas semanas, as NOS e Vodafone anunciaram um memorando de entendimento que visa definir a forma como os conteúdos desportivos serão disponibilizados ao mercado. Um acordo baseado na reciprocidade e na não exclusividade dos conteúdos que sejam “atualmente detidos ou venham a ser adquiridos pelas partes, e a comparticipação nos custos (atuais e futuros) associados a estes conteúdos desportivos”.

NOS e Vodafone enviaram ainda cartas convidando Meo e Cabovisão à negociação, mas dentro dos termos definidos pelas duas empresas no memorando de entendimento.

Com o acordo com a NOS, a Vodafone de Mário Vaz garantiu o Benfica TV na oferta da operadora, mas o atual acordo entre o Benfica e o Meo termina com esta época desportiva, obrigando a empresa a negociar com a NOS para assegurar o canal na sua oferta, num momento em que o clube acaba de se sagrar campeão nacional.

NOS e Meo têm estado numa intensa disputa em torno dos conteúdos de futebol, tendo o contacto do Meo junto dos clube motivado a entrada da NOS (através da NOS Lusomundo Audiovisuais) a entrar num campo até aqui de Joaquim Oliveira: os direitos de futebol.

NOS garantiu os jogos do Benfica e do Sporting, bem como os direitos de transmissão dos canais dos dois clubes, tendo a Meo fechado com o FC Porto, acordo que inclui o Porto Canal.

As negociações entre a Meo e a NOS em torno do Porto Canal azedaram as relações entre as duas empresas, com a Meo a suspender a emissão do sinal aos clientes da NOS e a operadora liderada por Miguel Almeida a avançar com uma providência cautelar, alegando perdas de cerca de 43 milhões.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa (E), conversa com o ministro de Estado e das Finanças, João Leão (D), durante o debate e votação da proposta do orçamento suplementar para 2020, na Assembleia da República, em Lisboa, 17 de junho de 2020. MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Bruxelas agrava projeção de contração em Portugal para 9,8%

Comissão Europeia, Bruxelas (REUTERS)

Bruxelas revê estimativas. Economia da zona euro deverá recuar 8,7% em 2020

Mário Centeno


TIAGO PETINGA/LUSA

Centeno defende repensar das regras da dívida e do défice na UE

Oficial. Já há decisão sobre os jogos do Benfica