Hotelaria

Pestana CR7 a caminho de Marraquexe

Pestana CR7 Lisboa_Entrance_BR

O novo hotel avança ao longo dos próximos 18 meses. Grupo investe 200 milhões para abrir 20 novos hotéis até 2020

O grupo Pestana já decidiu qual será o mercado onde nascerá a quinta unidade CR7. O novo hotel, fruto da parceria com Cristiano Ronaldo, avança ao longo dos próximos 18 meses e será instalada num projeto imobiliário que está a ser desenvolvido por um investidor privado em Marraquexe.

“Quando criámos a marca não era para quatro hotéis. O objetivo era criar uma linha de produto que levasse a uma nova tendência de mercado”, disse esta manhã José Roquette, administrador responsável pelo desenvolvimento do grupo.

A nova unidade terá 164 quartos e será arrendada pelo grupo hoteleiro português. Isto é, “o investimento será todo privado”, ficando a marca nacional com a operação por um período de 20 anos.

O hotel vai agora começar a ser construído e abrirá portas em 2019, altura em que também se espera que as unidades de Nova Iorque e Madrid estejam prontas.

Também nos planos, mas ainda sem data ou concretização, está a entrada da marca CR7 em novos mercados. Ibiza é uma das localidades mais aguardadas mas, para já, ainda não há quaisquer indicações, revelou José Roquette, que não esconde vontade para fazer crescer a marca, especialmente nas grandes cidades europeias. “Não me admirava que o número de unidades Pestana CR7 rapidamente duplicasse”, revelou.

Forte aposta na expansão

O grupo Pestana prevê um investimento de 200 milhões de euros ao longo dos próximos dois anos, período durante o qual se antecipa a abertura de 20 novas unidades hoteleiras, num total de 3000 novos quartos – 1700 serão em Portugal.

O grande foco da expansão é a “afirmação em capitais europeias e o sonho americano”. Em todo o caso, Portugal continuará a ser responsável por metade nas novas unidades. “Temos em curso o plano mais ambicioso de sempre”, afirmou Roquette, mostrando preocupação com a sustentabilidade desta expansão. “A ideia não é só crescer por crescer”, adiantou.

Entre as unidades que estão a ser ultimadas, contam-se “quatro ou cinco” projetos que ainda deverão abrir portas ao longo desde ano. São eles a última fase da expansão do Eco Village, em Tróia, A Brasileira, no Porto, a nova Pousada de Óbidos, o Pestana Amoreira em Alvor e, lá fora, o Pestana Plaza Mayor em Madrid.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Angel Gurría, secretário-geral da OCDE. Fotografia: EPA/Andrzej Grygiel

OCDE pede mais proteção da contratação coletiva

Angel Gurría, secretário-geral da OCDE. Fotografia: EPA/Andrzej Grygiel

OCDE pede mais proteção da contratação coletiva

Angel Gurría, secretário-geral da OCDE. Fotografia: EPA/Andrzej Grygiel

OCDE pede mais proteção da contratação coletiva

Outros conteúdos GMG
Pestana CR7 a caminho de Marraquexe