Hotelaria

Pestana investe três milhões em nova pousada de Vila Real de Santo António

Luís Castanheira Lopes, presidente das Pousadas de Portugal.
Luís Castanheira Lopes, presidente das Pousadas de Portugal.

A abertura da nova pousada é apontada para o final de 2019. Vai gerar 30 postos de trabalho.

O grupo Pestana Pousadas vai investir três milhões de euros na reabilitação de quatro edifícios históricos de Vila Real de Santo António, que vão ser convertidos numa pousada, foi ontem divulgado.

A intervenção, apresentada publicamente ontem, já está em curso, prevendo-se que a obra termine no final de 2019, refere o município em comunicado, acrescentando que a abertura da nova pousada vai gerar 30 postos de trabalho.

A pousada ficará sediada em quatro imóveis de interesse histórico – propriedade do município e da empresa municipal Sociedade de Gestão Urbana – e irá contar com 57 quartos, dispondo ainda de restaurante, sala de eventos, piscina e terraço. “O conceito hoteleiro do projeto está alicerçado na história de Vila Real de Santo António, criando um novo segmento turístico baseado no património e na cultura local”, lê-se no comunicado.

A cerimónia de apresentação do projeto contou com a presença de Luís Castanheira Lopes, presidente das Pousadas de Portugal, e Conceição Cabrita, presidente da Câmara de Vila Real de Santo António. Citado no comunicado, aquele responsável adiantou que a pousada “irá funcionar durante todo o ano”, à semelhança de Tavira, Estoi e Sagres.

Já a presidente do município, classificou este como “um momento particularmente importante para a projeção do concelho enquanto destino turístico, dado tratar-se de um projeto diferenciador e de qualidade”. Segundo a autarca, no espaço de um ano vão abrir em Vila Real de Santo António dois hotéis de cinco estrelas e ser recuperados totalmente imóveis históricos “que estavam em risco de colapso”.

O Centro Histórico de Vila Real de Santo António possui um Plano de Pormenor de Salvaguarda do Núcleo Pombalino, o que levou à constituição da primeira Área de Reabilitação Urbana do país.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O ministro das Finanças, Mário Centeno, intervém durante a  conferência "Para onde vai a Europa?", na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, 22 de março de 2019. MÁRIO CRUZ/LUSA

Próximo governo vai carregar mais 8 mil milhões em dívida face ao previsto

O ministro das Finanças, Mário Centeno, intervém durante a  conferência "Para onde vai a Europa?", na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, 22 de março de 2019. MÁRIO CRUZ/LUSA

Próximo governo vai carregar mais 8 mil milhões em dívida face ao previsto

Motoristas de matérias perigosas em greve concentrados na Companhia Logística de Combustiveis - CLC.
Fotografia: Paulo Spranger / Global Imagens

Combustíveis. Sindicato conseguiu mais 200 sócios com greve

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Pestana investe três milhões em nova pousada de Vila Real de Santo António