aviação

Jorge Ponce Leão é o novo presidente da NAV

Jorge Ponce Leão assumiu a presidência da ANA em 2012
Jorge Ponce Leão assumiu a presidência da ANA em 2012

O Governo já tem nome para liderar o Conselho de Administração da NAV Portugal. Ponce Leão é o ex-presidente da ANA-Aeroportos.

Mais do que habituado a aeroportos e aviões, Jorge Ponce Leão volta a comandar os destinos da aviação nacional. O ex-presidente da ANA-Aeroportos foi nomeado presidente da NAV Portugal.

“O Governo solicitou à Comissão de Recrutamento e Seleção para a Administração Pública (CRESAP) os necessários pareceres com vista à nomeação de Jorge Ponce de Leão para a presidência do Conselho de Administração (CA) da NAV Portugal”, refere o ministério de Pedro Parques em comunicado.

Licenciado em Direito e com formação académica em áreas de gestão, Ponce Leão assumiu desde 2012 o cargo de presidente da ANA, empresa na qual também foi administrador delegado.

Na empresa que gere o controlo de tráfego aéreo de Portugal, Ponce Leão vai contar com Francisco Fernandes Gil e Egídia Pinto de Queiroz Martins como vogais.

Substitui, assim, Albano Coutinho, que apresentou a sua demissão a 29 de setembro. À data não foram apresentadas razões para o afastamento, mas a saída deverá estar relacionada com uma investigação do programa da RTP ‘Sexta às 9’ que concluiu que o responsável desempenhou funções na NAV durante mais de um ano sem ter a licenciatura que era exigida.

Ponce Leão volta a ser homem-forte no desenvolvimento do aeroporto de Lisboa. Depois de ter traçado planos já com a nova dona da ANA, a Vinci, o gestor tem agora pela frente a dura pasta da implementação do novo sistema de software que irá permitir à Portela continuar a crescer.

Portugal atualmente tem um sistema de ATM – Air Traffic Management de 1986 e cuja renovação em 2001 já não permite aumentar os movimentos por hora no aeroporto.

O novo sistema de ATM está previsto no Orçamento do Estado para 2018, mas a sua implementação deverá demorar dois anos. Sem ele, a pista do Montijo nunca poderá abrir a voos comerciais.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa, intervém durante a cerimónia de assinatura de declaração de compromisso de parceria para Reforço Excecional dos Serviços Sociais e de Saúde e lançamento do programa PARES 3.0, no Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, em Lisboa, 19 de agosto de 2020. ANDRÉ KOSTERS/LUSA

“Na próxima semana podemos chegar aos 1000 casos por dia”, avisa Costa

Fachada da Caixa Geral de Depósitos. 
(Sarah Costa / Global Imagens)

Clientes da CGD sem acesso ao serviço Caixadirecta

App Stayaway covid

App Stayaway Covid perto do milhão de downloads. 46 infetados enviaram alertas

Jorge Ponce Leão é o novo presidente da NAV