Portugal contribui com 11 milhões para resultados do Bankinter

O Bankinter fechou 2019 com um lucro de 551 milhões de euros, um aumento de 4,6% relativamente a 2018.

A sucursal portuguesa do Bankinter contribuiu com 11 milhões de euros para os lucros de 130,3 milhões que o banco apresentou no primeiro trimestre de 2020, revelou hoje, em Madrid, o responsável financeiro do grupo espanhol.

"A contribuição de Portugal neste trimestre foi de cerca de 11 milhões de euros , tendo as receitas e o balanço crescido muito bem" nesse país, disse Jacobo Diaz, na videoconferência de imprensa em que foram apresentados os resultados do Bankinter.

O banco espanhol teve um lucro de 130,3 milhões de euros no primeiro trimestre de 2020, uma diminuição de 10,1% em relação ao mesmo período do ano passado, tendo aumentado as reservas devido à crise económica da covid-19. O Grupo Bankinter informou em comunicado, publicado hoje, que reduziu o resultado líquido devido ao aumento das provisões, para evitar "uma possível deterioração" dos negócios no futuro, devido à crise económica do novo coronavírus.

A rendibilidade dos capitais próprios (ROE) foi de 10,23% e a solvabilidade, no final do trimestre, apresentava um rácio de capital CET1 de 11,47%, 327 pontos base superior ao requisito de capital do Banco Central Europeu para o ano em curso.

O Bankinter fechou 2019 com um lucro de 551 milhões de euros, um aumento de 4,6% relativamente a 2018, com a atividade do grupo financeiro espanhol em Portugal a contribuir com 66 milhões de euros, antes de impostos.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de