Óbito

Presidente da República lamenta desaparecimento de um “grande industrial”

Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa. (Fotografia: Rodrigo Antunes/ Lusa)
Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa. (Fotografia: Rodrigo Antunes/ Lusa)

Marcelo Rebelo de Sousa diz que o empresário era um dos grandes industriais do país.

O Presidente da República lamentou a morte de Pedro Queiroz Pereira. Numa nota colocada no site da Presidência, Marcelo Rebelo de Sousa apresentou as condolências à família do empresário, “lamentando o prematuro desaparecimento desse grande industrial português”.

O empresário que controlava a Navigator (antiga Portucel) e a cimenteira Secil morreu este sábado, aos 69 anos. Tinha uma fortuna avaliada em mais de mil milhões de euros, conseguida através da participação de mais de 70% na Semapa, uma empresa em que estão reunidas as principais áreas de atividade da família Queiroz Pereira.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Mário Centeno 
(EPA-EFE/PATRICIA DE MELO MOREIRA)

Lentidão nos reembolsos fazem disparar IRS em plena crise

O ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos (C), acompanhado pelo ministro de Estado e das Finanças, Mário Centeno e pelo presidente da CP, Nuno Freitas (E), na assinatura do contrato de serviço público entre o Estado e a CP, na Estação do Rossio, em Lisboa, 28 de novembro de 2019. JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

CP sem contrato com Estado só tem dinheiro até junho

avião da TAP

PS desafia TAP a corrigir plano de rotas áreas que “lesa interesse nacional”

Presidente da República lamenta desaparecimento de um “grande industrial”