Energia

Produção da Galp subiu 13% no último trimestre do ano

Produção em Angola disparou 71% mas é no Brasil que a Galp se destaca: consegue tratar, em média, de 102,9 mil barris por dia.

A produção de petróleo da Galp subiu 13% em termos homólogos no quarto trimestre de 2018, segundo os dados preliminares comunicados pela empresa à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

De acordo com os dados operacionais comunicados pela Galp, a produção líquida (net entitlement) – após o pagamento de impostos em espécie aos países em que produz e que revertem integralmente para os resultados da Galp — cresceu 13% relativamente ao quarto trimestre do ano anterior, passando para os 111,7 mil barris/dia.

A Galp sublinha no documento que toda a informação comunicada agora à CMVM é preliminar, está sujeita a alterações e pode diferir dos resultados finais a publicar no dia 11 de fevereiro.

Por geografias, a produção no Brasil cresceu 10% relativamente ao quarto trimestre de 2017, passando para 102,9 mil barris/dia, e em Angola disparou 71%, passando para 8,9 mil barris diários. No caso do Brasil, este crescimento deveu-se à abertura de novas unidades de produção.

Segundo os dados preliminares comunicados à CMVM, no quarto trimestre de 2018 a margem conseguida com a refinação de cada barril de petróleo caiu 11% em termos homólogos e 25% relativamente ao trimestre anterior, atingindo um valor médio de 4,3 dólares por barril.

Um dos indicadores macroeconómicos mais relevantes para as contas da Galp é a evolução da cotação do petróleo (Brent), que dita o preço a que os barris produzidos são colocados no mercado.

De acordo com os dados preliminares do quarto trimestre do ano passado, as cotações médias do brent aumentaram 12% em termos homólogos – mas baixando 8% relativamente ao trimestre anterior – para os 68,8 dólares.

Segundo os dados da Galp, as vendas totais de gás natural ou gás natural liquefeito caíram 9% em termos homólogos e 15% relativamente ao trimestre anterior.

(Notícia corrigida às 11h38 com indicação correta do número de barris diários)

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
EPA/MICHAEL REYNOLDS

Ação climática. Portugal vai ter de gastar mais de um bilião de euros

Quartel da Graça, em Lisboa. (Fotografia: D.R.)

Revive: Sete hoteleiros na corrida para transformar o Quartel da Graça

Thomas Cook era a agência turística mais antiga do mundo. ( EPA/ARMANDO BABANI)

Thomas Cook declarou falência. 600 mil turistas procuram solução

Outros conteúdos GMG
Produção da Galp subiu 13% no último trimestre do ano