Investimento

Prosegur lança fundo de 30 milhões para tecnologia de segurança

REUTERS/Benoit Tessier
REUTERS/Benoit Tessier

Os valores do investimento em cada empresa variam entre os 300 mil euros e os três milhões de euros.

A Prosegur lançou um fundo de capital de risco, com uma dotação inicial de 30 milhões de euros, para investimentos em tecnologias de segurança, divulgou hoje a empresa de segurança.

O fundo, ao qual se podem candidatar empresas de todo o mundo, incluindo portuguesas, destina-se ao investimento por parte da Prosegur em ações de sociedades, com o intuito de “obter retorno financeiro, além de incentivar o desenvolvimento de novas tendências e tecnologias com impacto na segurança”, indica em comunicado.

“O objetivo é liderar a transformação do setor da segurança através da incorporação, nos seus serviços, de soluções baseadas em tecnologia”, indica a Prosegur.

Segundo a empresa de segurança, “dentro do esquema de trabalho projetado, cada empresa deve enviar as propostas de investimento, posteriormente aprovadas por um comité formado por especialistas da empresa e por profissionais externos”.

Os valores do investimento em cada empresa variam entre os 300 mil euros e os três milhões de euros.

“Até à data, os investimentos correspondem a duas empresas de segurança cibernética israelita”, bem como “numa ‘FinTech’ [empresa financeira tecnológica] brasileira”, numa “empresa espanhola de ‘AdTech’ (tecnologia aplicada ao ‘marketing’)”, e numa “empresa alemã que desenvolve soluções baseadas na realidade aumentada com aplicação industrial”, de acordo com a Prosegur.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
EPA/WILL OLIVER

Brexit: Londres e Bruxelas chegam a acordo

boris johnson brexit

Brexit: Um acordo que responde “às circunstâncias únicas da Irlanda”

boris johnson brexit

Brexit: Um acordo que responde “às circunstâncias únicas da Irlanda”

Outros conteúdos GMG
Prosegur lança fundo de 30 milhões para tecnologia de segurança