Região Norte mais rápida a colocar candidatos nas empresas

Os desempregados tiveram no ano passado mais sucesso em encontrar trabalho no norte do país do que no sul, e também nessa região o tempo de recolocação foi mais curto, segundo dados da Transitar, especialista em transição de carreiras.

No ano passado a empresa recolocou com sucesso no mercado de trabalho da região sul 72 por cento dos candidatos de “outplacement”, enquanto no norte recolocou 88 por cento. Também o tempo médio de colocação de 6,4 meses no norte foi inferior ao do sul (5,2 meses).

“Uma das razões é porque no norte há mais indústria exportadora, e esta tem sido menos castigada pela crise”, explicou Yves Turquin, managing director da Transitar.

As mulheres candidatas tiveram menos sucesso (uma taxa de 77 por cento) do que os homens (78 por cento), quanto os candidatos com mais de 45 anos tiveram uma taxa de sucesso de 69 por cento enquanto os de idade inferior chegaram aos 84 por cento.

“Ao contrário do que se diz, a verdade, comprovada pelos números, é a de que dois terços dos candidatos com mais de 45 anos tiveram sucesso”, comentou aquele responsável.

O tempo médio de recolocação tem aumentado nos últimos anos, passando de 5,2 meses em 2009, para 5,8 meses em 2010 e 5,9 meses no ano passado.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Fotografia: D.R.

Renováveis baixaram fatura da luz em 2,4 mil milhões em dez anos

TVI

Compra da TVI pela Cofina deverá ter luz verde dos reguladores

Fotografia: Miguel Pereira/Global Imagens

Exportações de calçado crescem 45% para a China e 17% para os EUA

Outros conteúdos GMG
Região Norte mais rápida a colocar candidatos nas empresas