restauração

Dona da 100 Montaditos abre nove restaurantes em Portugal até final do ano

Foto:  Igor Martins / Global Imagens
Foto: Igor Martins / Global Imagens

O grupo vai fechar o ano com 22 restaurantes em Portugal

O grupo espanhol Restalia, dono da marca 100 Montaditos, prepara-se para abrir mais nove restaurantes em Portugal até ao final do ano.

Segundo a imprensa espanhola, o grupo, que no país vizinho também detém as marcas The Good Burger e Cervecería La Sureña, quer apostar na expansão em Portugal, considerado como mercado estratégico.

Os novos estabelecimentos juntam-se aos 13 que já existem no país, em Lisboa, Porto, Vila Nova de Gaia, Braga, Coimbra, Figueira da Foz e Cascais.

Num comunicado citado pelo El Economista, a Restalia sublinha que a aposta em Portugal deve-se aos bons resultados do 100 Montaditos, especializado em tapas, nas zonas residenciais e universitárias. O mesmo jornal refere que as próximas aberturas deverão ter lugar no Algarve e na zona do Parque das Nações, em Lisboa, com o objetivo de aproveitar o crescimento do turismo no país.

“O êxito que a empresa tem desde o início em Portugal deixa-nos muito felizes, já que os dois países sempre tiveram laços especiais e, pela nossa proximidade cultural, os clientes portugueses sempre apreciaram os produtos espanhóis, tal como nós apreciamos os produtos portugueses. Acreditamos que a proximidade dos dois países vai ajudar-nos a chegar aos poucos a cada canto de Portugal”, refere a diretora geral da Restalia, Belén Martin, no comunicado.

O conceito da 100 Montaditos nasceu em 2000 na Andaluzia, tendo chegado a Portugal em 2011. O primeiro restaurante da cadeia abriu no Arrábida Shopping.

Além de Portugal e Espanha, a Restalia tem presença nos Estados Unidos, México, Colômbia, Guatemala, Chile, Costa Rica, Paraguai e Italia.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Cristina Casalinho, presidente do IGCP. Fotografia: Diana Quintela/Global Imagens

Juros negativos recorde para Portugal no primeiro leilão após saída de “lixo”

Frota da Ryanair está 100% ocupada

Remarcações estão a dar “lucro” à Ryanair

Mário Centeno. Fotografia: MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Recapitalização da CGD fora do défice se der retorno futuro

Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
Dona da 100 Montaditos abre nove restaurantes em Portugal até final do ano