Revolut obtém licença bancária em 10 novos mercados europeus

A plataforma financeira Revolut anunciou hoje que operacionalizou a sua licença bancária em 10 novos mercados europeus, disponibilizando um Fundo de Garantia de Depósitos nestes países.

Em comunicado, a Revolut diz que tem agora licenças bancárias na Bulgária, Croácia, Chipre, Estónia, Grécia, Lituânia, Malta, Roménia, Eslováquia e Eslovénia.

Segundo a instituição com no Reino Unido, nestes países, os clientes que façam migração para o banco Revolut passam a ter os depósitos protegidos pelo Fundo de Garantia de Depósitos.

O processo de configuração das contas, refere, demora apenas alguns minutos.

A 'fintech' afirma que está confiante de que as contas de depósito, "juntamente com a ampla gama de produtos e serviços da Revolut, oferecem aos clientes maior controlo, valor e segurança do que os bancos tradicionais".

"O lançamento do banco Revolut em dez novos mercados europeus irá oferecer um maior nível de segurança e confiança aos nossos clientes e permite-nos lançar uma série de novos produtos e serviços num futuro próximo", indica o presidente executivo da Revolut, Virgilijus Mirkes.

A Revolut conta atualmente com 15 milhões de clientes em todo o mundo.

A licença bancária especializada permite que a Revolut forneça serviços bancários limitados através da 'app' (aplicação) Revolut, juntamente com um Fundo de Garantia de Depósitos garantido pela empresa estatal lituana Deposit and Investment Insurance, assim como outros serviços e produtos financeiros oferecidos por outras empresas do grupo Revolut.

A Revolut conta atualmente com 2.000 trabalhadores a nível global.

Em declarações recentes à Lusa, a operadora de pagamentos britânica disse que duplicou as transações realizadas em Portugal no início do segundo confinamento relacionado com a pandemia de covid-19 face ao primeiro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de