Sanofi anuncia plano de reestruturação em França

A farmacêutica prevê rescindir com 670 funcionários em França, por mútuo acordo, até 2020. Além disso quer recrutar 250 pessoas para funções novas.

A farmacêutica Sanofi prevê rescindir com 670 funcionários em França, por mútuo acordo, até 2020, no quadro de um plano de transformação do grupo, disse esta quarta-feira o presidente da empresa, Guillaume Leroy, à France Presse.

As saídas abrangem funções de apoio, incluindo assuntos externos, finanças, recursos humanos, apoio jurídico e informática.

A Sanofi France quer ainda alterar os vínculos de 80 postos em funções informáticas, também no mesmo período e sempre numa base voluntária, indicou Guillaume Leroy.

Ao mesmo tempo, o grupo prevê recrutar 250 pessoas para funções novas, como a bioprodução, acrescentou.

As mudanças ocorrem no âmbito de um novo plano mundial de transformação, que deve também afetar outros mercados da Sanofi, como os Estados Unidos e Alemanha, mas não foi revelada a dimensão dessas rescisões.

No total, a Sanofi tem 110 mil colaboradores em todo o mundo, dos quais 25 mil em França.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de