SIBS lança plataforma API Market e renova imagem

A SIBS apresenta o API Market, uma plataforma que quer impulsionar um "novo ecossistema de pagamentos financeiros".

Com o centro de controlo operacional como pano de fundo, Madalena Cascais Tomé, CEO da SIBS, apresenta a nova aposta da entidade, o API Market, que permite agregar numa única plataforma "18 entidades de referência", além de antecipar os princípios da Diretiva de Serviços de Pagamento (PSD2).

Esta plataforma quer impulsionar "um novo ecossistema de pagamentos e serviços financeiros", disponibilizando ferramentas para que novas empresas que queiram entrar neste ecossistema, com a "criação de sinergias". Neste ambiente, é possível que os prestadores de serviço possam testar ligações que cumpram com as diretrizes da PSD2: consulta de saldos e movimentos, iniciação de pagamentos e consulta de disponibilidade de fundos.

"É um passo importante para as experiências digitais para o cliente final", garante a responsável da SIBS, que descreve este passo da entidade como "um dia marcante na história dos pagamentos, um novo ciclo - tal como há 35 anos o foi o lançamento do Multibanco".

Este mercado de API (interface de programação de aplicações) permitirá o "acesso a 95% das contas em Portugal", com uma única ligação, aponta a SIBS, que explica que estas API base antecipam já a diretiva PSD2. Em linhas gerais, esta diretiva aponta que os bancos têm de partilhar os dados das contas dos clientes com outras entidades, caso isto seja autorizado pelo cliente.

"O contributo não é apenas técnico - ou tecnológico", explica Madalena Cascais Tomé, que destaca que a SIBS quer também colaborar com stakeholders, fintech e startups, para garantir "que todos têm acesso a este paradigma".

Estas API vão ser disponibilizadas em modo sandbox (uma espécie de modo de teste), por agora. Nesta fase, este modo permite aos programadores testar estas ligações, num ambiente onde são usados dados fictícios. Mais tarde, a partir de 13 de março, os testes passarão a ser feitos em "ambiente de qualidade e produção", explica a SIBS, já com dados reais.

A partir de 14 de setembro, as API são disponibilizadas para pagamentos em Portugal - os exemplos dados estão ligados às áreas de pagamentos de serviços ou carregamentos de telemóveis, por exemplo.

"Aquilo que vem permitir é que Portugal se afirme como o sítio para estar para se testar novas ideias", destaca Pedro Siza Vieira, Ministro da Economia, também presente no lançamento desta plataforma.

Uma nova imagem

A juntar ao lançamento do API Market, a SIBS também renova a imagem. Do vermelho que marcava o logótipo, a SIBS apresenta-se agora em tons de azul - "a cor da economia digital", explica Madalena Cascais Tomé.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de