Siemens paga 900 milhões para criar gigante eólico

Espanhola Gamesa deu luz verde à fusão com o grupo alemão para criar um novo grupo com uma capitalização de 10 mil milhões de euros.

Depois do namoro que durou mais de seis meses, o casamento vai agora concretizar-se. O Conselho de Administração da espanhola Gamesa deu luz verde à sua fusão com a unidade eólica da Siemens. O grupo alemão vai desembolsar quase 900 milhões euros para criar um gigante das energias eólicas.

O novo grupo terá uma capitalização bolsista de 10 mil milhões de euros e o capital será dividido entre 59% para a Siemens e os acionistas atuais ficaram com os remanescentes 41%.

Em comunicado enviado à CNMV, a Gamesa confirma que "conta com as aprovações administrativas na potencial integração do negócio eólico da Siemens", apesar de salientar que "os termos finais da operação estão pendentes de serem acordados entre as partes".

As ações da Gamesa têm vindo a valorizar com a expectativa de acordo iminente com a Siemens, e foram hoje suspensas pelo regulador.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de