retalho

Sonae quer 500 lojas desportivas e vendas de mil milhões em três anos

Primeira loja da SportZone na Índia

Atualmente o grupo de retalho português tem, em conjunto com a JD Sprinter, 345 lojas desportivas SportZone e JD, em Portugal e Espanha

A Sonae quer em três anos ter uma rede de 500 lojas desportivas e vendas na ordem de mil milhões de euros, no âmbito da joint venture com a JD Sprinter, de acordo com a informação prestada aos investidores e divulgada esta sexta-feira ao mercado.

O grupo de retalho nacional viu concluída em fevereiro do ano passado o processo de fusão da Sport Zone com a JD Sprinter, dando origem ao Iberian Sports Retail Group, que junta as operações de quatro insígnias fortes (Size, JD, Sprinter e Sport Zone), a segunda maior empresa no mercado de artigos desportivos na Península Ibérica.

Atualmente, a joint venture tem uma rede de 345 lojas em Portugal e Espanha, mas o objetivo é crescer: 500 lojas entre 2019 e 2021, mas também obter a liderança online no mercado ibérico.

O grupo também perspetivas ao nível do desempenho do negócio. Em três anos, quer obter vendas de mil milhões de euros e um EBITDA de 100 milhões.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
A ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho (D), e o secretário de Estado do Emprego, Miguel Cabrita (E). Fotografia: MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Salário mínimo de 635 euros? Dos 617 dos patrões aos 690 euros da CGTP

concertação

Governo sobe, sem acordo, salário mínimo até 635 euros em 2020

concertação

Governo sobe, sem acordo, salário mínimo até 635 euros em 2020

Outros conteúdos GMG
Sonae quer 500 lojas desportivas e vendas de mil milhões em três anos