Sonae com mais-valia de 40 milhões com venda de 50% da Maxmat

O valor do encaixe com a operação são 65 milhões de euros, o que representa uma mais-valia de 40 milhões de euros

A Sonae SGPS encaixou 65 milhões de euros com a venda ao grupo BME da participação de 50% da sua subsidiária Sonae MC no capital da Maxmat, o que representa uma mais-valia de 40 milhões de euros.

"Na sequência do comunicado de 25 de maio [terça-feira] relativo ao acordo alcançado pela Sonae MC SGPS SA para a alienação de 50% do capital social da Modelo -- Distribuição de Materiais de Construção, SA ("Maxmat"), a Sonae SGPS SA comunica que esta alienação deverá gerar uma mais-valia de aproximadamente 40 milhões de euros, sujeita ao desempenho financeiro da Maxmat até à conclusão da transação", lê-se num comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

No comunicado divulgado na terça-feira, a Sonae informava ter chegado a um acordo para alienar a sua participação na Maxmat à Cimentos Estrada Pedra SGPS Lda, detida pela Building Materials Europe (grupo BME), que já controla os restantes 50% do capital social da Maxmat, prevendo então que a transação resultasse "num encaixe de aproximadamente 65 milhões de euros para a Sonae MC".

Segundo a Sonae, a conclusão da operação está sujeita à aprovação da Autoridade da Concorrência e "está prevista ocorrer durante o terceiro trimestre" deste ano.

A Maxmat é uma retalhista 'hard-discount' no mercado de 'bricolage', construção, banho e jardim, que opera uma rede de 30 lojas, apoiada por mais de 500 colaboradores e que registou um volume de negócios de 116 milhões de euros no ano passado.

"Após uma longa e bem-sucedida parceria, a Sonae MC e o grupo BME acordaram os termos desta transação, que permitirá à Sonae MC fortalecer o seu balanço e continuar a gerir ativamente o seu portfólio, capitalizando numa atrativa transação para criar valor para o seu acionista", referiu a Sonae no comunicado em que anunciou o negócio.

(Nota: a agência Lusa corrigiu a notícia no primeiro parágrafo e no título uma vez que não houve uma revisão em baixa. O valor do encaixe com a operação são 65 milhões de euros, o que representa uma mais-valia de 40 milhões de euros)

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de