Hotelaria e Turismo

Sonae vai abrir hotel na principal avenida do Porto

Pedro Capitão, responsável de negócios hotelaria da Sonae Capital.
( Adelino Meireles / Global Imagens )
Pedro Capitão, responsável de negócios hotelaria da Sonae Capital. ( Adelino Meireles / Global Imagens )

O novo espaço, situado em plena Avenida dos Aliados, será um hotel boutique com 70 quartos. A abertura está prevista para 2021

A Sonae Capital, a holding do grupo presidido por Cláudia Azevedo com interesses na área do turismo, vai contar com mais uma unidade hoteleira no Porto, em plena Avenida dos Aliados, a quarta do grupo na cidade. Em comunicado, a empresa dá conta que assinou um contrato para a instalação de mais uma unidade hoteleira no Porto, que tem abertura prevista para o primeiro semestre de 2021.

“Esta expansão enquadra-se na sua estratégia de crescimento, que prevê um aumento do número de unidades hoteleiras em exploração, permitindo potenciar sinergias e efeitos de rede na operação”, refere o comunicado. Com 70 quartos, a nova infraestrutura contribuirá para o reforço da oferta de hotéis boutique na cidade. Serviços de bar e restaurante, salas de reunião com luz natural, piscina exterior e ginásio são algumas das valências incluídas.

“Os nossos objetivos de crescimento têm privilegiado a seleção de localizações prime, sendo o projeto na Avenida dos Aliados mais um importante passo na concretização dessa estratégia. Com a abertura desta quarta unidade no Porto vamos consolidar a nossa presença neste destino e ampliar a nossa escala, dando cumprimento à estratégia de crescimento capital light definida”, refere Pedro Capitão, CEO da unidade de Hotelaria da Sonae Capital.

São seis as unidades hoteleiras da Sonae em operação, três localizadas no Porto (Porto Palácio Hotel, The Artist e The House), duas na Península de Tróia (Aqualuz Tróia e Tróia Residence) e uma no Algarve (Aqualuz Lagos). Em desenvolvimento, e com abertura prevista para o segundo semestre de 2021, está o hotel na Estação Ferroviária de Santa Apolónia, em Lisboa.

Negócio de hotelaria com resultado operacional recorde em 2019

O negócio de hotelaria da Sonae Capital cresceu, o ano passado, 16,4% atingindo um volume de negócios de 27,7 milhões de euros. O EBITDA aumentou 56,1% para 6,7 milhões, enquanto o EBIT atingiu o valor recorde de 1,7 milhões, mais do dobro do ano anterior.

O investimento ascendeu a 1,5 milhões de euros, com destaque para a renovação do Porto Palácio Hotel e o início do projeto da Estação de Santa Apolónia, em Lisboa.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa (E), conversa com o ministro de Estado e das Finanças, João Leão (D), durante o debate e votação da proposta do orçamento suplementar para 2020, na Assembleia da República, em Lisboa, 17 de junho de 2020. MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Orçamento suplementar mantém despesa de 704 milhões de euros para bancos falidos

Jorge Moreira da Silva, ex-ministro do ambiente

(Orlando Almeida / Global Imagens)

Acordo PS-PSD. “Ninguém gosta de um planalto ideológico”

Mario Draghi, presidente do BCE. Fotografia: Reuters

Covid19. “Bazuca financeira tem de fazer mira à economia, desigualdades e clima”

Sonae vai abrir hotel na principal avenida do Porto