TAP pretende operar 879 voos por semana em agosto num total de 100 rotas

Companhia aérea nota que planeamento da operação depende da evolução da pandemia. Pretende reforçar "nos próximos meses" para a Madeira e em agosto pretende realizar cinco voos diários de Lisboa para o Funchal e dois entre o Porto e o Funchal. Já para o Porto Santo, a retoma da operação será a partir de junho com cinco voos semanais.

Com a época de verão para as companhias prestes a arrancar (o verão IATA arranca dia 28 de março), a TAP revelou os planos para os próximos meses. A companhia aérea começa por assinalar que "está a retomar gradualmente a sua operação e planeia operar 879 voos por semana, num total de 100 rotas, em agosto".

Não escondendo que o planeamento para este verão é feito "de acordo com as contingências da evolução da pandemia, oportunidades de procura detetadas e rentabilidade das rotas", a TAP pretende em agosto ter um total de oito rotas nacionais, com 126 frequências semanais.

Depois de o ano passado ter sido um dos piores para o turismo e para a aviação comercial de que há memória, o arranque de 2021 ficou aquém do esperado, com a Europa a atravessar uma terceira vaga da pandemia de covid-19. A Páscoa, época que antes da pandemia permitia a todo o setor ganhar alguma oxigénio antes do verão, este ano estará praticamente perdida, devido às restrições.

A evolução da pandemia até ao verão é ainda uma incógnita. Mas, tipicamente, após uma crise os viajantes tendem a escolher destinos de proximidade para desfrutarem de uns dias. Neste sentido, a TAP prevê operar em agosto um total de 8 rotas nacionais, com 126 frequências semanais.

"Para a Madeira, tendo em conta a evolução da procura, a TAP reforçará a sua operação nos próximos meses. Em agosto, passará a ter cinco voos diários de Lisboa para o Funchal e dois voos diários entre o Porto e o Funchal. Já para o Porto Santo, a Companhia retoma a sua operação a partir de junho com cinco voos semanais", pode ler-se no comunicado à imprensa.

Para a região autónoma dos Açores, a transportadora prevê realizar 22 frequências semanais, em agosto. "Para Ponta Delgada, serão 12 frequências por semana com partida de Lisboa e três voos semanais com partida do Porto. A rota Lisboa-Terceira terá um voo diário", diz a TAP. "Entre Lisboa e o Porto, a Companhia vai operar quatro voos diários. Entre Lisboa e Faro, operará três voos diários, em agosto", acrescenta.

Além disso, e como já foi anunciado, a TAP já anunciou oito novas rotas para este verão, para a Europa e África: Fuerteventura, Ibiza, Santiago de Compostela, Zagreb, Djerba, Agadir, Monastir e Oujda.

"No total, a TAP vai operar 555 voos semanais para destinos europeus em agosto. E serão 83 voos semanais para destinos africanos. Destes são seis por semana para Luanda, três por semana para Maputo, três por semana para Bissau, quatro por semana para São Tomé, 10 por semana para Praia, três por semana para o Sal e sete por semana para São Vicente".

Por outro lado, a companhia pretende "operar um total de 61 voos por semana entre Portugal e o Brasil. Já na América do Norte a companhia aérea portuguesa operará 51 voos por semanais para Boston, Newark, Chicago, Washington, S. Francisco, Toronto e Montreal". A TAP vai ainda realizar três voos por semana entre Lisboa-Cancun (México)

"Ao longo dos próximos meses, a TAP vai repor gradualmente a sua operação, ainda que com uma recuperação lenta devido aos constrangimentos legais que existem atualmente à mobilidade das pessoas e ao tráfego aéreo. A TAP acompanha em permanência a evolução dinâmica da pandemia e os seus impactos operacionais e a lista de rotas e voos disponível em sistema de reservas será ajustada sempre que as circunstâncias o exijam".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de