media

TDT. De Sintra a Piódão os canais onde vê televisão vão mudar

Foto: D.R.
Foto: D.R.

A partir desta quinta-feira até 21 de abril irão ser alterados 79 emissores nesta terceira fase de migração.

De Sintra a Piódão os canais na TDT onde vê as estações de generalistas vão mudar até 21 de abril, com o arranque da terceira fase da migração dos emissores da televisão digital terrestre para libertar faixas que serão usadas no 5G. A partir de hoje até 21 de abril irão ser alterados 79 emissores no os distritos de Lisboa, Santarém, Leiria, Coimbra, Castelo Branco (Oeste), Viseu (sul) e Setúbal.

Na terceira fase da migração da rede de emissores da TDT começa com a alteração do emissor de Cheleiros, em Sintra e termina no dia 21 de abril, com o emissor de Piódão. Até dia 10 de março, o processo decorre em simultâneo com a alteração dos emissores da fase 2.

Os emissores mudam para o canal 35 (região de Lisboa até Leiria sensivelmente, abrangendo o Distrito de Santarém, exceto Mação) e para o canal 44 (a partir de Leiria até Vagos/Nelas). O emissor de Montejunto altera do canal 49 para o canal 48.

image001

Mas nem todos os utilizadores de TDT serão abrangidos neste processo. As pessoas saberão que são abrangidas pela mudança se a sua televisão ficar sem imagem. Para ver a RTP, SIC ou TVI o telespectador terá apenas de fazer a sintonia da televisão ou do descodificador de TDT e continuarão a ver televisão gratuitamente, como tem acontecido até agora.

“Não será necessário substituir ou reorientar a antena, trocar a TV ou o descodificador, e ninguém terá de subscrever serviços de televisão paga. No caso dos condomínios/edifícios que tenham instalações com amplificadores mono-canal poderão ter que os substituir”, refere a Anacom.

 

Datas de ressintonia dos emissores TDT que afetam a Região 3-01

Para ajudar neste processo, o regulador criou uma linha telefónica de apoio gratuita (800 102 002), que funciona todos os dias entre as 9h e as 22h, para o qual as pessoas poderão ligar para esclarecer dúvidas e obter apoio na sintonia da sua televisão. Caso ainda assim não o consiga será agendada uma visita a casa da pessoa para proceder à sintonia, com técnicos da Anacom e de forma gratuita.

“A Anacom só irá a casa de quem ligar para o 800 102 002 e se na sequência desse contacto for feito o agendamento da visita. Se a pessoa nunca ligou para este número e aparecer alguém a bater-lhe à porta a dizer que é da Anacom e que vai fazer a sintonia dos equipamentos, há que ter cuidado e não abrir a porta, porque não serão técnicos da Anacom”, alerta o regulador.

O regulador pretende ter este processo terminado em meados de junho. A Altice Portugal, que tem a concessão da TDT e tem de assegurar os trabalhos, apontado para meados de julho.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa. JOÃO RELVAS/POOL/LUSA

Governo cria complemento salarial até 350 euros para trabalhadores em lay-off

O primeiro ministro, António Costa, fala aos jornalistas durante a conferência de imprensa, 04 junho 2020, realizada no final da reunião do Conselho de Ministros, no Palácio da Ajuda, em Lisboa.     MANUEL DE ALMEIDA / POOL/LUSA

Banco de Fomento para Portugal com “aprovação provisória”

O primeiro ministro, António Costa, fala aos jornalistas durante a conferência de imprensa realizada no final da reunião do Conselho de Ministros, no Palácio da Ajuda,  em Lisboa, 29 de maio de 2020. O Governo decidiu adiar a passagem para a terceira fase de desconfinamento na Área Metropolitana de Lisboa e criou regras especiais, sobretudo em atividades que envolvem “grande aglomerações de pessoas”.  MANUEL DE ALMEIDA/POOL/LUSA

Trabalhadores em lay-off passam a receber entre 77% e 92% do salário

TDT. De Sintra a Piódão os canais onde vê televisão vão mudar