Amazon Web Services atualiza funcionalidades de segurança

A AWS apresentou várias atualizações no campo da segurança e explica que alterações é que a pandemia trouxe a esta área de negócio.

A Amazon Web Services (AWS), que está focada na computação em cloud, explica que a pandemia trouxe várias alterações tanto ao trabalho da empresa como ao dos clientes.

Os últimos meses têm sido de intensa agitação para a área da cibersegurança: o confinamento de há alguns meses, decretado em vários países, obrigou as empresas a passar rapidamente de ambientes mais controlados para ligações domésticas, devido ao teletrabalho.

Mark Ryland, director do Office of the CISO (Chief Information Security Officer) da AWS, explica que esta mudança trouxe três grandes viragens: o esbater de linhas entre as plataformas, a necessidade de ter suporte à distância e formar as equipas de apoio técnico para essa situação e a sensibilização dos utilizadores para a área da segurança.

"Outras mudanças estão também ligadas ao processo de integração de novos funcionários", recorda Mark Ryland. A tarefa de disponibilizar equipamentos profissionais aos novos empregados, como computadores, telefones profissionais ou credenciais de acesso, obrigou a "arranjar estratégias para assegurar à distância algo que antes era feito em pessoa", com entregas físicas, mas que mesmo assim garantissem a segurança de todos os passos.

E, o facto de a comunicação entre colegas deixar de ser feita cara a cara também é algo que está a ser explorado por atores maliciosos: "os ataques de social engineering têm sido uma das questões mais vistas". Entre os exemplos contam-se emails ou pedidos por parte de colegas que podem fugir ao habitual mas que, vindo de um suposto utilizador legítimo, acabam por ser encarados como algo credível.

"O utilizador continua a ser uma questão muito importante" para manter os processos das empresas seguro, refere o responsável da AWS.

Ferramentas de segurança

A empresa apresentou uma grande quantidade de atualizações às ferramentas de segurança na cloud que disponibiliza aos clientes. Os responsáveis colocam na lista de updates mais importantes o Security Hub, o centro de segurança, disponibilizado como serviço onde é possível ter uma visão alargada dos alertas de elevada prioridade. "Pega em todo o conhecimento que adquirimos ao longo dos anos" para acrescentar informação relevante para os clientes, explicam os responsáveis.

Outro dos pontos de destaque é a ferramenta "Organizations", onde os clientes poderão "gerir de uma forma centralizada todas as contas" e produtos.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de