Elon Musk aceita Dogecoin para pagar missão de satélite lunar

Depois de ter gozado com a dogecoin no programa Saturday Night Live - levando a uma queda de 30% do valor da criptomoeda -, Elon Musk anunciou que a sua SpaceX aceitou o token para pagar o lançamento de um satélite lunar já em 2022.

João Tomé
Dogecoin © DR

A SpaceX, empresa no setor espacial de Elon Musk, vai embarcar numa viagem à Lua em 2022 transportando o chamado cubeat - um mini-satélite usado para investigações espaciais - da Geometric Energy Corp. que foi totalmente pago em Dogecoin.

A notícia é apenas mais uma página na saga peculiar da criptomoeda que começou como uma piada em 2013, mas agora é presença frequente na internet graças a celebridades como Snoop Dogg ou o próprio Elon Musk e vale já mais do que várias multinacionais.

Desde o ano passado que a dogecoin já valorizou 21 000%, e desde o início do ano o valor já superou os 12 000%. Musk tem sido um promotor-chave para a criptomoeda, ajudando com os seus tweets a aumentar o preço.

Ainda assim, a sua presença no programa SNL - Saturday Night Live, no sábado passado, acabou por fazer cair a moeda em 30% já que Musk brincou que a dogecoin não era uma moeda de verdade. Agora parece compensar com este anúncio.

A missão à Lua: Doge-1

A missão agora paga com a criptomoeda chama-se DOGE-1 e é a primeira missão lunar comercial da história paga com criptomoeda, de acordo com um comunicado da Geometric. O cubo-satélite pesa 40 quilos e será lançado a bordo do foguetão da SpaceX Falcon 9. A empresa não especificou a quantidade de Dogecoin envolvida na transação com a SpaceX.

O site da Geometric explica que se trata de uma empresa privada canadiana com o objetivo de criar novas tecnologias de energia renovável e que desde então se expandiu para áreas como o espaço.

"O doge provou ser uma moeda digital rápida, confiável e criptograficamente segura que opera quando os bancos tradicionais não podem e é sofisticada o suficiente para financiar uma missão comercial à Lua por completo", explica a Geometric no comunicado, que admite que foi esse o método escolhido "para todos os negócios lunares entre a SpaceX e a Geometric Energy Corporation e abre precedentes para futuras missões à Lua e Marte."

Mark Cuban, Snoop Dogg e Gene Simmons estão entre outras celebridades que impulsionaram a Dogecoin, mas também não têm faltado os alertas de que o seu valor elevado é insustentável e que existe o risco de que quem compra pode perder todo o valor. Certo é que nos EUA e também na Europa há regulamentação até para cobrar mais impostos nas transações e nos lucros obtidos com criptomoedas.

(O monólogo de Elon Musk no SNL deste fim de semana)

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG