Fusão entre Vodafone e MásMóvil ganha força em Espanha

Consultores de ambas empresas em Espanha já estarão a fechar as avaliações dos dois negócios antes de se sentarem à mesa para negociar uma possível 'joint venture'.

A possível integração entre os negócios da Vodafone Espanha e da MásMóvil parece estar a avançar de forma consistente, indica o jornal El Espanol. A publicação garante que neste momento as equipas das duas empresas estão a fechar a avaliação dos ativos dos operadores, a que se seguirá reuniões para negociar a possível fusão.

O caminho da joint venture é o que ganha mais força, indica o jornal espanhol, com a integração dos dois negócios a poder ser feita em partes quase iguais.

Se as primeiras avaliações chegarem a bom porto, a operação pode começar a ser delineada em breve e concluída até ao final do primeiro trimestre de 2021. A operadora espanhola diz à publicação que para já "nem a MásMóvil, nem os seus acionistas estão a negociar com a Vodafone", enquanto a operadora britânica se recusou a comentar o assunto.

A solução provável será semelhante à que uniu a Telefónica (O2) e a Liberty (Virgin) há poucos meses no Reino Unido. A O2 foi avaliada em 12,7 mil milhões de libras e a Virgin Media em 18,7 mil milhões, mas com 11,3 mil milhões de dívida líquida.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de