fintech

TransferWise capta nova ronda e fica avaliada em 3,5 mil milhões

Fotografia: EPA/WALLACE WOON
Fotografia: EPA/WALLACE WOON

A empresa que permite a transferência de dinheiro captou 292 milhões de dólares, o que lhe permite ficar avaliada em 3,5 mil milhões de dólares.

A TransferWise, empresa que permite a transferência de dinheiro, e que foi fundada por empreendedores da Estónia e com sede em Londres, fechou uma nova ronda de financiamento. A empresa revelou esta quarta-feira, 22 de maio, ter obtido uma ronda de financiamento secundário de 292 milhões de dólares (mais de 261 milhões de euros no câmbio atual), “confirmando o seu estatuto como uma das empresas tecnológicas mais lucrativas e com mais rápido crescimento”.

A operação foi liderada pelos seguintes investidores: Lead Edge Capital, Lone Pine Capital e Vitruvian Partners, de acordo com o comunicado enviado às redações. Além disso, os já investidores Andreessen Horowitz e Baillie Gifford aumentaram as participações que detêm na fintech. “O investimento foi também dado a partir de fundos geridos pelo BlackRock”.

Com esta operação, a TransferWise fica avaliada em 3,5 mil milhões de dólares (mais de 3,1 mil milhões de euros). Até ao momento, de acordo com o comunicado da empresa, a fintech captou já 689 milhões de dólares (mais de 617 milhões de euros) em financiamento primário e secundário.

Kristo Käärmann, CEO e co-fundador da TransferWise disse em comunicado que a empresa “está a vivenciar um crescimento fenomenal e este investimento testemunha isso mesmo. Não precisamos de levantar fundos para continuar nesta trajetória” mas ficam satisfeitos com o “persistente nível de interesse em juntarem-se à nossa missão”.

A TransferWise tem 12 escritórios espalhados pelo mundo, empregando 1.600 pessoas. Pretende recrutar 750 pessoas nos próximos 12 meses, de acordo com o comunicado. As contas auditadas para o ano fiscal que terminou em março de 2018 mostram um crescimento de 77% das receitas para 117 milhões de libras (mais de 133 milhões de euros) e um resultado líquido após impostos de 6,2 milhões de libras (mais de 7 milhões de euros).

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
(Artur Machado / Global Imagens)

Dinheiro Vivo mantém-se líder digital dos económicos

(Artur Machado / Global Imagens)

Dinheiro Vivo mantém-se líder digital dos económicos

O ex-governador do Banco de Portugal (BdP), Vítor Constâncio, fala perante a II Comissão Parlamentar de Inquérito à Recapitalização da Caixa Geral de Depósitos e à Gestão do Banco, na Assembleia da República. TIAGO PETINGA/LUSA

Constâncio: Risco para a estabilidade no crédito a Berardo era “problema da CGD”

Outros conteúdos GMG
TransferWise capta nova ronda e fica avaliada em 3,5 mil milhões