Telecom

Tribunal nos EUA aprova fusão da AT&T com grupo Time Warner

Time Warner deverá passar a ser uma marca da Charter Communications, uma das maiores operadoras dos EUA

A fusão entre o grupo de telecomunicações AT&T e a empresa de media Time Warner foi autorizada hoje por um juiz federal dos Estados Unidos.

A fusão entre o grupo de telecomunicações AT&T e a empresa de media Time Warner foi autorizada hoje por um juiz federal dos Estados Unidos.

Apesar dos esforços do Governo dos Estados Unidos para bloquear este acordo, com o argumento de que prejudica a concorrência, um juiz do Tribunal Federação de Columbia deu ‘luz verde’ à operação, avaliada em 85 mil milhões de dólares (71 mil milhões de euros).

A fusão é já vista nos Estados Unidos como um ponto de viragem no setor das comunicações e dos media.

Em comunicado, a AT&T revela que o processo deverá ficar concluído antes de 20 de junho.

Em reação, o Departamento de Justiça dos Estados Unidos indicou que vai analisar a decisão judicial e decidir os próximos passos para “preservar a competitividade em benefício dos consumidores”.

A AT&T, que anunciou a operação de fusão em outubro de 2016, considera que o setor mudou muito nos últimos anos, sobretudo com o aparecimento de plataformas digitais como Netflix, Youtube ou Google.

Os advogados que tratam dos assuntos de concorrência no Departamento de Justiça preocupam-se com a possibilidade de os consumidores acabarem a pagar mais pelos seus espetáculos favoritos, sejam nos ecrãs de televisão, nos smartphones ou nos tabletes.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Caixa Geral Depósitos CGD Juros depósitos

Caixa perdeu 1300 milhões com créditos de grandes devedores

Ursula von der Leyen foi o nome nomeado para presidir à Comissão Europeia. (REUTERS/Francois Lenoir)

Parlamento Europeu aprova Von der Leyen na presidência da Comissão

Christine Lagarde, diretora-geral demissionária do FMI. Fotografia: EPA/FACUNDO ARRIZABALAGA

Christine Lagarde demite-se da liderança do FMI

Outros conteúdos GMG
Tribunal nos EUA aprova fusão da AT&T com grupo Time Warner