mobilidade

Uber reforça bicicletas partilhadas e triplica trotinetas em Portugal

Jump - trotinetas
Lisboa foi a primeira cidade europeia a receber bicicletas elétricas partilhadas da Uber, no final de fevereiro de 2019. (Foto cedida pela Uber)

Durante o mês de março, o serviço Jump vai passar a contar com 2850 veículos partilhados. Faz um ano que esta opção da Uber chegou a Portugal.

A Uber vai reforçar o serviço de partilha de trotinetas e bicicletas Jump em Portugal. Numa altura em que há cada vez menos empresas a partilhar estes veículos em Portugal, a plataforma norte-americana vai colocar nas ruas mais 250 bicicletas e vai triplicar o número de trotinetas em Lisboa durante o mês de março.

No total, a Uber vai passar a partilhar 2850 veículos: são acrescentadas 250 bicicletas às 2000 que já circulam desde há um ano; o número de trotinetas vai passar de 200 para 600, segundo nota de imprensa divulgada esta sexta-feira. O custo mantém-se: 20 cêntimos por minuto e não é cobrada qualquer taxa de desbloqueio.

As trotinetas e bicicletas estão disponíveis dentro da aplicação da Uber, que também permite chamar um automóvel, consultar informação sobre os transportes públicos e encomendar comida. A empresa destaca que “80% dos locais onde a Uber disponibiliza bicicletas ou trotinetas Jump estão situados a menos de 200 metros de uma estação de comboio ou de metro”.

No último ano, foram realizados mais de 1.5 milhões de quilómetros com os veículos Jump. Estima-se que seja o equivalente a uma redução de 120-195 toneladas de dióxido de carbono, ou a distância diária percorrida por 300 carros.

Sete em cada 10 viagens com os veículos da Jump são feitas nas deslocações casa-trabalho e vice-versa, destaca Frederico Vilaça, diretor-geral da empresa em Portugal, em entrevista ao jornal Público desta sexta-feira. Em território nacional, a Jump concorre com a Lime, a Hive e a Frog.

Berlim, Madrid, Bruxelas, Málaga, Roma, Paris, Londres, Munique e Roterdão são as cidades onde se pode encontrar este serviço de trotinetas e bicicletas elétricas partilhadas. As bicicletas elétricas são fabricadas em Águeda.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho. ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

1400 empresas já pediram para aderir ao novo lay-off, apoios só a 28 de abril

Antonoaldo Neves, presidente executivo da TAP. Fotografia: Adelino Meireles/Global Imagens

TAP também vai avançar com pedido de layoff

Veículos da GNR durante uma operação stop de sensibilização para o cumprimento do dever geral de isolamento, na Autoestrada A1 nas portagens dos Carvalhos/Grijó no sentido Sul/Norte, Vila Nova de Gaia, 29 de março de 2020. MANUEL FERNANDO ARAÚJO/LUSA

Mais de 80 detidos e 1565 estabelecimentos fechados

Uber reforça bicicletas partilhadas e triplica trotinetas em Portugal