Use estas dicas para fugir dos piratas informáticos no Natal

Autores de fraudes aproveitam época de festas para tentarem obter informações ilícitas dos consumidores. São necessários cuidados redobrados.

Dezembro é o mês das compras de Natal, seja nas lojas físicas seja nas lojas online. Esta época acaba por ser aproveitada para os piratas informáticos lançarem esquemas fraudulentos e roubarem dinheiro às pessoas.

Todo o cuidado é pouco e é necessário tomar algumas dicas de segurança para evitar este tipo de esquemas, segundo a tecnológica Dashlane.

Apresentamos, abaixo, essas dicas:

O phishing é uma tática incrivelmente eficaz usada por cibercriminosos que envolve o envio de e-mails criados de forma a parecerem que são de outro destinatário - como uma marca que adora. De um modo geral, esses e-mails incentivam-no a clicar num link malicioso, atraindo-o com uma oferta ou preço exclusivo. Se clicar no link, será redirecionado para uma landing page falsa da marca pela qual o cibercriminoso se está a fazer passar. Normalmente, este tentará recolher credenciais de login ou informações de pagamento como o número do cartão de crédito

Se algo parecer errado, verifique o endereço de e-mail do destinatário para garantir que é legítimo. Recomendamos também passar o rato sobre o URL antes de clicar para confirmar que este direciona para um site legítimo e não falso.

Por falar em sites ilegítimos, deve ter cuidado ao submeter as suas informações de login ou pagamento em qualquer site que pareça fraudulento ou clicar em ofertas que parecem boas demais para ser verdade. Muitas vezes, durante a época de festas, os autores de fraudes criam sites projetados para atrair caçadores de pechinchas, na esperança de conseguir um acordo louco em relação ao mais recente Pixel ou iPad.

Se não estiver familiarizado com o site ou a empresa relacionada com a compra, não corra o risco. Esse negócio aparentemente bom pode custar milhares de euros gastos em recuperar a sua identidade roubada.

É realmente tentador fazer compras em viagem durante a época de festas, especialmente se estiver a viajar para ver familiares ou amigos. Mas, se estiver conectado a um WiFi gratuito - como em aeroportos, aviões, comboios, cafés ou hotéis - a primeira coisa a fazer é conectar-se a uma VPN. Se estiver a usar WiFi em casa ou simplesmente a usar os dados móveis, não é necessário preocuparse em usar uma VPN.

Use uma VPN, que encripta todo o tráfego que entra e sai do seu dispositivo, para que ninguém possa bisbilhotar a sua atividade na Internet e roubar a informação que introduziu online, incluindo logins e informações de pagamento.

Esta é uma dica de segurança geral que é ainda mais relevante nesta altura do ano. É comum guardar informações pessoais e de pagamento em sites de compras para que não precise de preenchê-las na próxima vez que quiser efetuar uma compra. No entanto, esses sites não são projetados para fornecer a segurança necessária para os seus dados; são projetados para compras. É por isso que vemos sistematicamente notícias sobre hacks e violações que contêm informações pessoais de vendedores.

Pode aproveitar a conveniência de preencher automaticamente as suas informações em diferentes sites sem sacrificar sua segurança usando um gestor de passwords.

A reutilização de senhas é uma epidemia. Repetir a mesma senha nas mais diversas contas é muito parecido com usar a mesma chave para a casa, o carro, o escritório, a caixa de correio e até mesmo o armário do ginásio. Se alguém tiver acesso a qualquer uma dessas chaves, fica com acesso a tudo o que quer manter seguro. Durante a época de festas, é provável que crie novas contas para simplificar checkouts, rastreamento e devoluções. Quando o fizer, use senhas fortes e aleatórias, para que no caso de uma violação do site, não esteja a entregar a um cibercriminoso a chave das suas outras contas.

Use um gestor de passwords para gerar essas novas palavras-passe.

Às vezes, pode nem mesmo estar ciente de que as suas informações pessoais estão comprometidas até que seja tarde demais, e nesta época do ano a fraude é ainda mais predominante. Se as suas informações ou identidade forem roubadas, um dos primeiros sinais de uso impróprio passa por alterações fora de comum no cartão de crédito.

Existem formas acessíveis de ser alertado sobre as mudanças no cartão de crédito, para que seja possível agir rapidamente no pior cenário possível.

Esta pode parecer uma medida extrema, mas o roubo de encomendas tornouse mais predominante nos últimos anos, com o aumento das compras online.

Se ninguém estiver em casa durante o dia, considere o envio para o seu escritório ou para outro lugar.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de