Telecomunicações

Vectone Mobile fecha em Portugal. 5 mil clientes terão de portar o número

Vectone

Clientes deste operador móvel virtual terão três meses para fazer portabilidade do número, caso queiram manter o mesmo número de contacto

A Vectone Mobile vai cessar a atividade em Portugal obrigando os cerca de 5 mil clientes do operador virtual a ter de portar os números para o outro operador se quiserem manter o mesmo número de contacto.

A empresa, antiga Mundio Mobile, informou a Anacom de que iria encerrar atividade e de que iria deixar de prestar serviços a partir de 4 de julho. “Há que garantir que os clientes da Vectone possam manter o seu número ao optar por subscrever o serviço de outros operadores do serviço telefónico móvel, pelo que a Anacom está a avisar os clientes da empresa de que têm um prazo de 3 meses para pedir a portabilidade dos seus números”, alerta o regulador. A Anacom alerta ainda que “outros operadores que originam chamadas para aqueles números de que devem assegurar o encaminhamento dessas chamadas”.

Os clientes Vectone Mobile têm uma gama de números 92 que, se quiserem manter o número de contato em outro operador têm até 3 meses para fazer a portabilidade.

“A Anacom vai notificar a Entidade de Referência da portabilidade (empresa que gere a base de dados dos números portados) da cessação da prestação de serviços telefónicos móveis pela Vectone, para que esta entidade se substitua à empresa nos processos de portabilidade dos números para outros operadores, a partir de hoje e durante o período de três meses”, diz o regulador. “Serão ainda desenvolvidas todas as diligências necessárias à operacionalização deste processo, bem como à recuperação dos números atribuídos à Vectone”.

Desde março do ano passado, que a antiga Mundio Mobile passou a operar do mercado com essa designação. A Mundio tinha em fevereiro de 2014 visto a sua atividade suspensa pelo regulador por falhas na garantia da portabilidade dos números aos seus clientes, situação entretanto regularizada.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
IMG_0868-min

Agricultura bate recordes no Alentejo. “Mais houvesse, mais se vendia”

REUTERS/Alessandro Bianchi - RC15543EA000

Telecom: Nunca houve tantas reclamações como em agosto

Guimarães, 09/07/2019 - Reportagem na empresa Lavoro, em Pinheiro, Guimarães, especializada em calçado de Segurança.

(Miguel Pereira/Global Imagens)

Calçado procura ‘abrigar-se’ da tempestade que se avizinha

Outros conteúdos GMG
Vectone Mobile fecha em Portugal. 5 mil clientes terão de portar o número