Vírus deixa aeroporto do Montijo em stand by

O projeto do aeroporto do Montijo não foi abandonado, mas o surto de covid-19 colocou o processo em stand by.

Para dar continuidade ao projeto do aeroporto complementar do Montijo é necessário que a ANA entregue ao regulador da aviação civil um pedido de apreciação prévia de viabilidade e ainda que os autarcas das zonas afetadas pelo aeroporto façam uma reunião técnica com o Governo. Segundo avança o Jornal de Negócios esta quinta-feira, dia 26, devido à pandemia nenhuma destas fases tem uma tem data marcada.

Ao jornal, fonte oficial do regulador da aviação civil refere que "até ao momento não deu entrada na ANAC qualquer pedido de apreciação prévia de viabilidade para a referida infraestrutura pelo requerente ANA - Aeroportos de Portugal". Com o país em Estado de Emergência, também a reunião técnica entre os autarcas e António Costa ficou sem data para realização.

Mesmo com a pandemia a ter um forte impacto no setor da aviação, o Governo já indicou que não pretende suspender a construção do aeroporto do Montijo, que servirá de estrutura complementar ao aeroporto Humberto Delgado.

Em janeiro de 2019, a ANA e o Governo assinaram um acordo que apontava para um investimento de 520 milhões de euros no aeroporto do Montijo.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de