Vodafone responde à PT com tarifário integrado Red (com vídeo)

ng3091028

A Vodafone acaba de responder à ofensiva do grupo PT com uma remodelação total da sua oferta, intitulada “Vodafone Red.” Tal como a PT, a Vodafone quer que os clientes tenham todos os seus serviços de telecomunicações numa única fatura.

O tarifário Vodafone Red, que vai para o mercado amanhã, começa com 34,90 euros por mês com chamadas e SMS a zero cêntimos para todas as redes, 200 megas de internet móvel e 20 gigas de armazenamento na nuvem. Quem associar um segundo número a este pacote paga perto de metade da mensalidade (19,90 euros).

Há mais dois pacotes para quem queira 1 giga de internet (39,90 euros) ou 5 gigas de internet + 15 dias de roaming gratuito no estrangeiro e 60 gigas de armazenamento na nuvem, com um preço de 69,90 euros.

No comunicado, a Vodafone salienta que estas ofertas de chamadas e SMS gratuitos se estende aos clientes tribais (Extreme e Yorn).Mantém-se ainda a acumulação de pontos Clube Viva nos
serviços fixo e móvel, que podem ser trocados por
visualização de filmes do videoclube, canais premium, descontos em
equipamentos móveis e acessórios.

Em conjunção, os clientes Red poderão subscrever o Vodafone Tv Net Voz por 24,90 euros. Este pacote, que usa a
rede de fibra óptica da Vodafone, oferece mais de 100 canais de televisão, acesso à internet a 100 megas e chamadas ilimitadas para as redes fixas nacionais e internacionais
em trinta países.

Somando o Vodafone Red básico (34,90 euros) ao Vodafone TV Net Voz (24,90 euros), o total de comunicações mensais fica em 59, 80 euros.

O lançamento será acompanhado por
uma “forte campanha publicitária em todos os meios.” A assinatura será “Vodafone Red é todas as coisas boas.”

A oferta da Vodafone chega menos de dois meses depois do lançamento do M4O da PT, que por sua vez foi encarado como uma “antecipação” da fusão entre a Zon e a Optimus (que deverá estar concluída no verão). As operadoras querem convencer os clientes a terem um único fornecedor de telecomunicações, televisão e internet, sendo que a PT oferece “fatura única.”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
epa05492274 A handout picture provided by Intel Corp. on 17 August 2016 shows Intel CEO Brian Krzanich (L) and Technical Marketing Engineer Craig Raymond (R) demonstrating the Project Alloy virtual reality headset during a presentation at the Intel Developer Forum in San Francisco, California, USA, 16 August 2016.  EPA/INTEL CORPORATION/HANDOUT  HANDOUT EDITORIAL USE ONLY/NO SALES

Project Alloy. Não é realidade virtual, é realidade misturada

Catarina Martins diz que 2017 será o ano do "combate às rendas, na saúde e como na energia".

Catarina Martins: “Nenhum passo atrás e nenhuma transigência”

Rui Freire conta com experiência na Microsoft, grupo Havas e Global Media Group. Fotografia: DR

Rui Freire passa da Microsoft para o grupo Omnicom

Aplicação desenvolvida pela EPAL tem interessados em países africanos e europeus. Fotografia: Pedro Rocha/ Global Imagens

WONE já poupou 68 milhões de euros em água

Fotografia: REUTERS/ Lucy Nicholson

Estes são os atores mais bem pagos do mundo, segundo a Forbes

arranjar emprego

Gig economy. A nova moda do mercado laboral não serve a Portugal

Conteúdo Patrocinado
Vodafone responde à PT com tarifário integrado Red (com vídeo)