Automóvel

Volkswagen vai cortar 30 mil postos de trabalho até 2020

Uma fábrica da Volkswagen. Fotografia: REUTERS/Fabian Bimmer
Uma fábrica da Volkswagen. Fotografia: REUTERS/Fabian Bimmer

O conselho de vigilância da Volkswagen reúne-se hoje para aprovar o plano de investimentos

O fabricante automóvel alemão Volkswagen vai cortar 30 mil postos de trabalho até 2020 para poupar quase quatro mil milhões de euros, segundo o jornal alemão Handelsblatt.

O diário, que cita fontes da empresa, indica que a maior parte dos cortes, dois terços, vai acontecer em fábricas alemãs.

O conselho de vigilância da Volkswagen reúne-se hoje para aprovar o plano de investimentos.

A poupança afetará principalmente as fábricas no norte da Alemanha.

A Volkswagen admitiu no último ano que tinha equipado milhões de carros, movidos a gasóleo, vendidos em todo o mundo, com aparelhos que reduziam o óxido de nitrogénio durante os testes das emissões poluentes, mas que depois, em condições habituais de condução, permitiam que as emissões superassem em mais de 40 vezes os limites autorizados.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira (E), e a ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho (D). Fotografia: ANTÓNIO COTRIM/LUSA

Governo deixa cair referencial geral para aumento de salários

Elisa Ferreira, António Costa. Fotografia: Álvaro Isidoro/Global Imagens

Elisa Ferreira. Minas de lítio têm de “compensar impacto ambiental”

Iberdrola

Iberdrola investe 200 milhões em projetos eólicos no Alto Tâmega

Volkswagen vai cortar 30 mil postos de trabalho até 2020