retalho

Walmart vai deixar de vender alguns tipos de munições nos supermercados

Walmart
Walmart

Decisão acontece cerca de um mês depois de um tiroteio num supermercado da Walmart em El Paso, no Texas, que causou 22 mortos.

A cadeia de supermercados Walmart anunciou hoje que vai deixar de vender algumas munições para armas de assalto, utilizadas para homicídios em massa, considerando “inaceitável” a situação atual do controlo de armas nos Estados Unidos.

Esta decisão acontece cerca de um mês depois de um tiroteio num supermercado da Walmart em El Paso, no Texas, que causou 22 mortos.

O líder do grupo, Doug Mcmillon, defendeu que o Congresso dos Estados Unidos da América deve tomar medidas de “bom senso”, incluindo o reforço da verificação dos antecedentes dos compradores de armas.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
A Poveira, conserveira. Fotografia: Rui Oliveira / Global Imagens

Procura de bens essenciais dispara e fábricas reforçam produção ao limite

Fotografia: Regis Duvignau/Reuters

Quase 32 mil empresas recorrem ao lay-off. 552 mil trabalhadores em casa

coronavírus em Portugal (covid-19) corona vírus

266 mortos e 10 524 casos confirmados de covid-19 em Portugal

Walmart vai deixar de vender alguns tipos de munições nos supermercados