Investigação

Yupido bate novo iPhone em Espanha

yupido

Em dia de apresentação do novo iPhone, empresa bate Apple nas pesquisas da Google espanhola.

Depois de, na semana passada, ter incendiado as redes sociais nacionais, a Yupido despertou agora também a atenção dos espanhóis. Esta segunda-feira, o El Pais escreveu sobre a misteriosa empresa portuguesa com um capital social de 29 mil milhões, fazendo um apanhado dos pontos-chave que os órgãos de comunicação de Portugal já tinham conseguido apurar.

O caso ecoou pela internet em Espanha. No twitter, uma pesquisa por “yupido” quase só já apresenta publicações em castelhano e o nome da empresa chegou às tendências da Google espanhola, com mais de cinco mil pesquisas efetuadas. Foi a segunda palavra mais pesquisada, à frente da Apple que, no dia da apresentação do novo iPhone, ficou em oitavo nas pesquisas.

Por cá, Torcato Jorge, um dos co-fundadores e presidente da Yupido, deu a cara e, numa entrevista ao Jornal Económico, apresentou planos futuros e esclarecimentos às dúvidas que têm sido levantadas. O responsável avançou que, na sexta-feira passada, a equipa se colocou à disposição da Polícia Judiciária, que tinha já anunciado que iria averiguar o caso. “Tenho a certeza de que no final da análise ou investigação – se existir – se vai concluir que efetivamente está tudo bem”, reforçou Torcato Jorge.

Para o futuro, o presidente adianta a intenção de contratar 206 pessoas em 2018, altura em que a Yupido lançará o primeiro grande serviço “a nível mundial”. Em curso estarão “algumas diligências” para a construção da sede da empresa, que, afirma o co-fundador, “trabalha em tecnologias,” desenvolve algoritmos e está a preparar o registo de 42 patentes.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Mário Centeno

Centeno volta a cativar mais dinheiro

Natalidade. Fotografia: Pedro Granadeiro / Global Imagens

Despesa com apoios à família é a quinta mais baixa da UE

Greve dos estivadores do Porto de Setúbal.

Estivadores de Setúbal anunciam greves parciais mas poupam Autoeuropa

Yupido bate novo iPhone em Espanha