Mecenato do Santander já chegou à Associação de Estudantes de Coimbra

Com o seu novo parceiro, a Associação de Estudantes passa ter acesso a verbas para realizar projetos científicos e académico ou até de solidariedade

A Associação Académica de Coimbra (AAC) é a mais recente instituição a beneficiar do mecenato universitário do Banco Santander Portugal. Um protocolo firmado esta segunda-feira, 14 de setembro, em Coimbra, entre a AAC e o Santander Universidades estende à organização estudantil o financiamento e as diversas bolsas normalmente disponibilizadas às instituições do ensino superior.

A nova parceria irá garantir as verbas necessárias para a realização de diversos projetos científicos e académicos organizados pela AAC, bem como o acesso a bolsas, que tanto podem ser de mérito de cultura ou desportivo, para apoiar situações de emergência ou outras casuisticamente analisadas.

"Este momento simboliza o culminar de um ano e meio de trabalho na procura de um parceiro bancário credível e sensível às grandes questões da Academia - estabilidade social, ligação ao mercado de trabalho e investimento na cultura e desporto", lê-se na página do Facebook da AAC a propósito da assinatura do contrato-programa.

E a Associação de Estudantes de Coimbra conclui, dizendo: "Nesta fase incerta, grandes desafios esperam à AAC. Continuaremos a trabalhar em prol do aumento do financiamento da instituição, através de celebração de parcerias, garantindo a sua estabilidade financeira".

Para já, as verbas previstas pelo protocolo firmado, que ascendem a cerca de 30 mil euros, ficam afetas à concretização de programas ou atividades relacionadas com a Covid-19, como sejam os fundos de emergência e de solidariedade.

Posteriormente, consoante a evolução da pandemia, as mesmas serão realinhadas para a prossecução da chamada política dos três "Es" - Educação, empreendedorismo, empregabilidade -, que o Santander Universidades afirma ter por linha orientadora.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de