App da EVIO para carros elétricos vence Prémio Startup do Ano

Carregar em qualquer rede e em qualquer lugar da UE, com a mesma conta, é uma das possibilidades criadas pela EVIO Electric Mobility, distinguida pelo Portugal Mobi Summit.

A partir de Matosinhos, a jovem EVIO Electric Mobility tem já um mapa de internacionalização traçado que chega até à Austrália, no outro lado do mundo. A vencedora do Prémio Startup do Ano, no âmbito do Portugal Mobi Summit, recebeu esta terça-feira o cheque de 5 mil euros do Global Media Group. "É um incentivo" que o CEO, Carlos Almeida, vai usar para aprofundar as soluções de software e hardware para a mobilidade elétrica, o seu negócio central.

Nas suas próprias palavras, "a EVIO é uma plataforma agnóstica e inteligente que gere o ecossistema de carregamento para veículos elétricos, criando uma experiência agradável e fácil, quer através do browser quer da app para ios e android".

O que ganham os utilizadores de veículos elétricos? "Com uma só app podem carregar em várias redes, sejam públicas ou privadas e também no estrangeiro, usando a mesma conta para fazer pagamentos na União Europeia. Podem, também, beneficiar de um conjunto de serviços, a maioria dos quais gratuitos - como poder planear viagens na rota dos carregadores rápidos, garante o fundador Carlos Almeida.

Já as empresas podem usar a plataforma para "fazer a gestão integrada dos postos de carregamento que tenham num ou mais territórios, com permissões diferenciadas por utilizador", explica. A "característica mais diferenciadora da EVIO é permitir que as empresas rentabilizem os postos de carregamento quando não estão a ser usados pelos seus trabalhadores, como por exemplo aos fins de semana, adicionando os seus postos à nossa rede de carregamento, com uma tarifa que lhes é entregue". Adicionalmente, "fazemos a gestão da frota de veículos com consumo agregado, numa lógica de gestão integrada", sublinha.

A EVIO tem nos fabricantes e operadores de postos os seus parceiros preferenciais, bem como nas empresas de eletricidade e comunicações, que são simultaneamente clientes a quem fornecem a aplicação numa lógica de marca branca. "Estas empresas podem usar a nossa plataforma para complementar a sua oferta de serviços", precisa.

Tendo nascido já a pensar no mercado global, a startup concluiu a primeira fase da sua apresentação internacional em maio e já tem oferta comercial em fase de concurso em países como a Polónia, a Escócia, e até na Austrália, países onde os clientes são essencialmente empresas de energia e entidades públicas. Segundo o fundador, as possibilidades de expansão são grandes, tendo em conta as manifestações de interesse. "Há muitas propostas, mas algum atraso na adjudicação, o que tem a ver com este cenário atípico da pandemia", justifica.

A startup, que tem 3 cofundadores e oito programadores todos do norte, "quer encontrar um investidor estratégico que traga não só capital, mas também mercado internacional". Selecionada pelo European Institute for Inovation and Technology (EIT) como uma das 15 startups de topo na área da mobilidade, a EVIO vai continuar nas próximas semanas a sua apresentação em várias cidades europeias. O lançamento oficial está previsto para janeiro de 2021.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de