Web Summit

António Costa: “Web Summit é uma gigante vitrina de Portugal para o mundo”

(ANTÓNIO COTRIM/LUSA)
(ANTÓNIO COTRIM/LUSA)

Primeiro-ministro comentou importância da cimeira tecnológica numa altura em que decorrem negociações para a realização do evento após-2018.

O Governo apresentou esta segunda-feira a versão 2.0 da estratégia de apoio ao empreendedorismo Startup Portugal. O evento serviu para o primeiro-ministro, António Costa, destacar o papel que as startups têm tido no crescimento da economia portuguesa e para salientar o papel da cimeira Web Summit como montra para mostrar um Portugal diferente para o mercado internacional.

“A Web Summit é uma gigante vitrina de Portugal para o mundo. Mostra um Portugal moderno, que cria empregos qualificados”, salientou o chefe de Governo durante a apresentação do Startup Portugal, que decorreu no edifício LABS, em Lisboa.

Sobre a cimeira tecnológica, António Costa lembrou também que “há cada vez mais exigências da organização da Web Summit” junto do executivo mas que Portugal tem “conseguido cumprir” os pedidos da equipa liderada por Paddy Cosgrave.

Leia aqui: Startup Portugal com investimento reforçado. Conheça as novas medidas

As declarações do primeiro-ministro surgem numa altura em que ainda não está decidido onde é que a Web Summit vai realizar-se depois da edição de 2018. Em 2015, quando as autoridades portuguesas e a Web Summit acordaram a vinda do evento para Lisboa, ficou estabelecido que este ficava por três anos (2016,2017 e 2018) na cidade, havendo a possibilidade de essa permanência ser alargada por mais dois anos (2019 e 2020).

Só que a equipa de Paddy Cosgrave está a negociar com outras cidades a possibilidade de a Web Summit mudar de localização a partir da edição de 2019. Valência, Londres, Paris e Munique são algumas das cidades que têm sido faladas, segundo apurou o Dinheiro Vivo no início de junho.

Para já, a edição deste ano da Web Summit está marcada para entre os dias 5 e 8 de novembro, na FIL e no Altice Arena. Esperam-se 70 mil participantes.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
José Vieira da Silva, ministro do Trabalho, e Mário Centeno, das Finanças. Fotografia: Mário Cruz/Lusa

Salário mínimo português é o nono mais baixo da Europa em poder de compra

Mario Draghi, presidente do Banco Central Europeu.  (EPA/RONALD WITTEK)

Compras do BCE chegam ao fim. Portugal ficou no fundo da lista

casas de lisboa

Moody’s. Há risco de irrealismo no preço das casas em Lisboa e Porto

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
António Costa: “Web Summit é uma gigante vitrina de Portugal para o mundo”