App: Dinossauros foram extintos há sete minutos

Sente-se bem, ligue o iPad, iPhone ou iPod Touch e descarregue no

iTunes, por apenas oito dólares, a aplicação Back in Time. Através

de um relógio imaginário, em que o Big Bang marca as zero horas e

hoje as 24 horas, o utilizador dá início a uma instrutiva viagem no

tempo. O New York Times considerou-a uma das dez melhores aplicações

de 2011.



Vejo o vídeo aqui.

A aplicação foi criada pela Landka, com sede em Matosinhos. A

empresa portuguesa foi criada em outubro de 2010 com capitais

próprios. Os sócios fundadores preferem não aparecer em público,

mas explicam que têm competências nas áreas do design e da

engenharia. A mesma discrição é razão para a recusa em divulgar a

faturação da Landka.

A ideia da aplicação, a única criação da empresa até à

data, surgiu no verão de 2010. "A dificuldade na perceção de

diferentes escalas temporais esteve na origem do projeto",

explica fonte oficial da Landka. Retomando a ideia do relógio de 24

horas, a Terra foi então criada há cerca de oito horas; os

dinossauros foram extintos só há sete minutos e o Homo sapiens

existe há pouco mais de um segundo.

Com um elevado nível de grafismo e definição, o utilizador,

jovem ou adulto, pode rever e aprender quase tudo sobre astronomia,

ciências naturais, geologia e história antiga e moderna. Esta app é

uma enciclopédia móvel, com a vantagem de ser apelativa à vista e

amigável no manuseamento.

Logo após o lançamento, a Apple destacou a aplicação,

garantindo-lhe um lugar na página principal da iTunes App Store em

mais de cem países. "Até hoje estivemos no primeiro lugar do

top de vendas de livros para iPad em 38 países e na China a

aplicação foi considerada app of the week pela Apple (quer a versão

para iPad quer a versão para iPhone)."

Retrato

A Landka tem sede em Matosinhos e nasceu em outubro de 2010. Back

in Time encontra-se disponível em seis idiomas (português, inglês,

mandarim, espanhol, francês e alemão). A empresa compete com

grandes editoras como a Touch Press, a Disney e a Random House. A

aplicação só corre em ambiente iOS, mas a empresa admite criar

aplicações para Android.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de